STF solta Amorim, Giroto e outros presos por suspeita de desvios

terça-feira, 21 de junho de 2016
Empresário João Amorim (Arquivo)
O ministro Marco Aurélio, do STF (Supremo Tribunal Federal) concedeu na tarde desta terça-feira (21) liminar ao pedido de Habeas Corpus do empresário João Alberto Krampe Amorim dos Santos, dono da Proteco, preso desde o dia 10 de maio pela Operação Fazendas de Lama.
Até o fechamento deste texto, a expectativa de advogados é de que a decisão beneficie outros presos na mesma ação, como Edson Giroto, a esposa dele, Rachel Giroto, e o cunhado, Flávio Scrocchio, que também ingressaram com pedido, sob análise do mesmo magistrado.
A decisão do ministro foi publicado no site do STF (Supremo Tribunal Federal) na tarde desta terça-feira (21). O advogado aguarda agora o alvará de soltura, para que o empresário seja liberado do Centro de Triagem, onde está recolhido com o ex-secretário estadual de Obras, Edson Giroto, do servidor da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), Wilson Roberto Mariano de Oliveira, o Beto Mariano, e do empresário Flávio Hentique Scrocchio, cunhado de Giroto.
Também devem ser liberadas da prisão preventiva Elza Cristina dos Santos, sócia de Amorim na Proteco, a filha do empresário, Ana Paula Amorim Dolzan e a mulher de Edson Giroto, Rachel Portela Giroto, além de Mariane Mariano de Oliveira, filha de Beto Mariano. Todas cumprem a prisão em regime domiciliar.
Todos foram presos na Operação Fazendas de Lama, que é a segunda fase da Operação Lama Asfáltica, deflagrada em 9 de julho do ano passado. Nesta última operação, foi investigada onde era investido o recurso desviado das obras executadas no Estado com dinheiro do Governo Federal.
Fonte: campograndenews
por: Paulo Yafusso
Link original: http://www.campograndenews.com.br/politica/stf-solta-amorim-giroto-e-outros-presos-por-suspeita-de-desvios
Jornal do Estado MS

Deixe uma resposta