Sejuvel abre as portas para o desenvolvimento do esporte adaptado

Secretário se reuniu com atletas locais e com a campeã olímpica Silvania Costa

O secretário de Esporte, Juventude e Lazer, Leandro Dias Gomes, teve duas reuniões durante essa semana com foco no esporte adaptado. O objetivo é dar mais apoio as modalidades que renderam 72 medalhas nas ultimas paraolimpíadas.

A medalhista de ouro Silvania Costa, esteve na Sejuvel, onde levou ao secretário o esboço de um projeto que visa atender crianças e adolescentes de famílias de baixa renda, cuja ênfase será dada ao atletismo e as modalidades paraolímpicas.

Silvania é atualmente primeiro lugar no Ranking Mundial de Salto em Distância, medalhista de ouro na categoria T11(Para deficientes visuais) da paraolimpíada de 2016 e atual detentora do recorde mundial.

“Quero ajudar crianças e adolescentes, para que diferente de mim, tenham apoio no esporte desde o começo”, explicou a atleta.

Leandro também se reuniu com os praticantes de esporte adaptado do Município. Três Lagoas conta com vários campeões nacionais em diversas modalidades. Os treinamentos são realizados atualmente no poliesportivo. Para os treinos, uma turma 30 atletas, a partir de 12 anos, está cadastrada.

As modalidades atendidas atualmente são: Badminton, atletismo, bocha, soccerball e tênis de mesa. Os atletas são divididos em quatro categorias, a saber: portadores de paralisia cerebral, deficiência visual, deficiência intelectual e deficiência física.

Os educadores físicos Ronei e Marizland são, também, os treinadores das equipes. Atualmente, atletas do badminton convencional participam dos trabalhos. “Eles participam todos juntos, dessa forma, os atletas do esporte adaptado acabam sendo integrados ainda mais na sociedade.”, explicou Ronei.

O secretário da Sejuvel garante que as modalidades paraolímpicas serão tratadas com muito zelo pela gestão. “Queremos que o exemplo da Silvania Costa sirva para que todos nós possamos dar valor ao esporte adaptado. Vamos fazer todo o possível para ajuda-los.”, concluiu Leandro.

Fonte: Sejutel Comunicação Três Lagoas