O que há por trás do suicídio?

Kiko Rieser, dramaturgo e diretor de teatro, usa vivências como inspiração para a criação de Átimo, que traz a investigação de uma arquiteta em torno de um vizinho que pulou de prédio

Dados obtidos pela pesquisa Mapa da Violência 2017 do Sistema de Informações de Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde revelaram que a taxa de suicídio na população brasileira entre 15 e 29 anos aumentou 10% entre os anos de 2002 e 2014. O crescimento também revela uma maior abertura para se falar do assunto nos tempos atuais. Antes considerado um tabu, hoje o suicídio é, inclusive, tema da famosa série do Netflix, “13 Reasons Why”.

Quem também resolveu falar sobre o assunto foi Kiko Rieser, dramaturgo, diretor e produtor de teatro, em Átimo, seu novo livro publicado pela Editora Instante. Com texto de quarta capa do também escritor Santiago Nazarian, a obra traz a história de Lígia, uma jovem arquiteta, que faz de tudo para investigar a morte do vizinho do bloco da frente, Cássio, que se jogou do prédio. Após ser chamada para depor na delegacia como possível testemunha do caso, passa a se envolver demais com os amigos e familiares de Cássio a ponto de começar a frequentar o apartamento dele. E quanto mais mergulha na vida do vizinho, mais se encanta pelo homem que nunca iria conhecer. Presa ao passado, se apega ainda mais à ideia do próprio suicídio.

Os livros, os discos, ele gostava das mesmas coisas que eu. Nada que mostrasse incompatibilidade entre a gente. Pelo contrário, se a gente tivesse se conhecido, provavelmente teríamos virado amigos. Ou mais que amigos.

Como num jogo de espelhos, Átimo propõe uma trama de reflexos e projeções, no qual a protagonista acaba se voltando para si, numa autoanálise dolorosa, em busca de explicação para o desejo de dar cabo da própria vida. O primeiro romance do diretor e produtor de teatro Kiko Rieser, publicado pela Editora Instante, prende o leitor do início ao fim em uma narrativa ambientada na capital paulistana que reflete sobre a morte, a vida, a solidão urbana, as falsas aparências, o apego ao passado, entre outros temas.

O livro pode ser adquirido pelo site www.editorainstante.com.br.

Ficha técnica:
ISBN: 978-85-52994-00-8
Formato: 14 cm x 21 cm
Páginas: 184
Preço: R$ 44,90

Sobre o autor: Kiko Rieser nasceu em São Paulo, em 1987. Formado em Artes Cênicas pela ECA/USP, é dramaturgo, diretor e produtor de teatro, tendo realizado diversos espetáculos teatrais. Em cinema, escreveu e dirigiu o curta-metragem Deixe a porta aberta ao sair. É também autor de Lapsos (poemas, Editora Patuá, 2017). Átimo é seu primeiro romance. Seus dois livros foram premiados na categoria Criação Literária do Programa de Ação Cultural da Secretaria de Estado da Cultura, nas subcategorias poesia e prosa.

Mais informações:
Adriane Schultz – adriane@lcagencia.com.br
Juliana Santoros – redacao3@liliancomunica.com.br
(11) 2275-6787 – LC Agência – lilian@lcagencia.com.br

LC – Agência de Comunicação Juliana Santoros
redacao3@liliancomunica.com.br

LC - Agência de Comunicação

Telefone: (11) 2275-6787
Caixa Postal: 80.397
04046-973 São Paulo/SP

LC – Agência de Comunicação