Morre Paul Singer, um dos fundadores do PT, aos 86 anos

Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O motivo da morte dele não informado pelo hospital.

Por G1 SP, São Paulo

Paul Singer, economista e um dos fundadores do PT, morreu na noite desta segunda-feira (16), em foto de 1988 (Foto: Agência Estado) Paul Singer, economista e um dos fundadores do PT, morreu na noite desta segunda-feira (16), em foto de 1988 (Foto: Agência Estado)

Paul Singer, economista e um dos fundadores do PT, morreu na noite desta segunda-feira (16), em foto de 1988 (Foto: Agência Estado)

Morreu nesta segunda-feira (16), aos 86 anos, o economista e um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores Paul Singer. Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

De acordo com o hospital, ele morreu às 20h10. O motivo da morte não foi informado. O velório dele deverá está previsto para começar às 9h no Cemitério Israelista do Butantã, Zona Oeste de São Paulo.

Paul Singer nasceu na Áustria em 1932 e chegou ao Brasil em 1940. Ele veio para o país fugindo da perseguição aos judeus na Europa.

Ele fez graduação em economia e doutorado em Sociologia na Universidade de São Paulo (USP). Na mesma instituição, se tornou livre docente em demografia e professor titular em economia.

Durante a gestão de Luiza Erundina na Prefeitura de São Paulo (1989-1992), ele foi secretário de Planejamento. No governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2011), foi um dos precursores do conceito de economia solidária no país.

Paulo Singer foi um dos fundadores do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap), do Partido dos Trabalhadores e da Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares na USP. De 2003 a 2106, foi Secretário Nacional de Economia Solidária.