Brasil fica sem medalhas no 2° dia do Grand Prix de judô

Seleção Brasileira de judô continua sem vencer na competição. Maria Portela e Ketleyn Quadros tiveram os melhores resultados e ficaram com a quinta colocação

LANCE!
 26 mai 2018

O Brasil continua sem medalhas no Grand Prix de Hohhot, na China. Assim como na estreia, a Seleção Brasileira de judô não teve bom desempenho no segundo dia da competição, neste sábado. Maria Portela (70kg) e Ketleyn Quadros (63kg) tiveram os melhores resultados e ficaram com a quinta colocação. Victor Penalber (81 kg) e Marcelo Contini (73 kg) perderam logo na estreia. Eduardo Barbosa (73 kg) caiu na segunda luta.

Maria Portela em ação (Foto: Reprodução)
Maria Portela em ação (Foto: Reprodução)

Foto: LANCE!

Portela é a vice-líder do ranking mundial na categoria médio. A brasileira foi até a semifinal, mas perdeu para a canadense Kelita Zupancic. Na disputa pelo terceiro lugar, encarou a número 1 do ranking, a japonesa Chizuru Arai.

Na categoria meio-médio, Ketleyn perdeu para a chinesa Jing Tang nas quartas de final. Na repescagem, venceu a chinesa Han Liu, mas na disputa do bronze acabou perdendo para a canadense Catherine Beauchemin-Pinard.

O último dia da competição será neste domingo, com a participação de sete brasileiros. Mayra Aguiar e Samanta Soares (78kg), Maria Suelen Altheman (+78kg), Eduardo Bettoni (90kg), Rafael Buzacarini (100kg), Rafael Silva “Baby” e David Moura (+100kg) entram no tatame para tentar mudar o panorama em Hohhot.

Veja também

Compartilhe
Incorpore
Link
0:00
1:43
Em meio a escândalo no sumô, luta japonesa realiza festival
LANCE!