Preferência é pelo PSB, diz Cid Gomes

O ex-governador do Ceará Cid Gomes, coordenador político da campanha do irmão Ciro Gomes ao Planalto, afirmou nesta segunda-feira, 11, que a prioridade do pré-candidato do PDT é fechar aliança eleitoral com o PSB. “Estamos focados em concretizar uma aliança com o PSB. Mas conversar, nós conversamos com todo mundo”, afirmou Cid, em entrevista ao Estadão/Broadcast. Ele admitiu que Ciro tem conversado com partidos do chamado Centrão, entre eles, DEM e PP. Mas reforçou que o foco é conseguir apoio dos pessebistas em razão da afinidade ideológica entre os dois partidos.

A afirmação do ex-governador ocorre após líderes do Centrão intensificarem acenos em busca de uma aproximação política com Ciro, em reação ao fraco desempenho do pré-candidato à Presidência Geraldo Alckmin (PSDB) nas pesquisas de intenção de voto. De acordo com dados divulgados no domingo passado pelo Datafolha, o tucano aparece estacionado com 7%, pior desempenho para um candidato do partido ao Planalto em quase 30 anos.

O PSB, porém, ainda não decidiu como vai se posicionar na disputa presidencial. Após o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa desistir de ser candidato ao Planalto pela legenda, líderes do PSB dizem considerar três alternativas: uma aliança com o PT; uma coligação com Ciro Gomes ou não se coligar formalmente com nenhuma sigla e, assim, liberar seus filiados a apoiarem quem quiserem.