Professor da UFSCar lança livro que aborda a fala em pessoas com autismo

logo_p.png logo_p.png
Evento de lançamento acontece no dia 18 de dezembro, na Livraria da Vila, em São Paulo
Na próxima terça-feira, dia 18 de dezembro, será realizado em São Paulo o lançamento do livro “ABA: Ensino da fala para pessoas com autismo” (Edicon), de autoria de Celso Goyos, docente do Departamento de Psicologia (DPsi) e coordenador do Instituto Lahmiei, ambos da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).
A ideia do livro surgiu a partir da disciplina “Comportamento Verbal”, ministrada por Goyos no curso de pós-graduação em “Análise de Comportamento Aplicada ao Autismo”, ofertado pelo Lahmiei. “A falta de material de qualidade específico para o ensino da fala, em Português e dentro da perspectiva do ABA (Applied Behavior Analysis, na sigla em Inglês), complementa a justificativa da obra”, destaca o autor.
O livro trata justamente do ensino da fala para pessoas com autismo. O prejuízo acentuado no desenvolvimento da fala é uma característica grave do quadro em pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e muito frequente, dada a alta incidência do transtorno. “É, portanto, um tema de grande interesse para uma ampla variedade de profissionais que tratam da fala, sob diferentes perspectivas, embora o enfoque do livro seja sob a visão da Análise de Comportamento Aplicada”, detalha o pesquisador.

A Análise de Comportamento Aplicada (ABA) é uma abordagem para a compreensão do comportamento humano e que vem sendo amplamente desenvolvida no atendimento a pessoas com autismo; e comprovadamente a única ciência que fornece meios de tratar com resultados mais efetivos. Com o método ABA, é possível ensinar repertórios ausentes como linguagem verbal e não-verbal, estimular a interação, ensinar habilidades necessárias à vida diária e garantir independência ao paciente.
Uma criança, para ser diagnosticada com autismo, deve ter prejuízo significativo em várias áreas do desenvolvimento, além de comportamentos restritos e repetitivos. Um traço comum, a menos que haja outra síndrome associada, é a que não existe nenhuma característica física ou externa que indique o transtorno. É no comportamento que se percebe que há algo diferente. Os indivíduos com TEA podem apresentar comportamentos repetitivos estereotipados e sem função aparente, dificuldade no domínio da linguagem, falta de contato visual, inabilidade para interagir socialmente e, em casos extremos, agressividade direcionada a pessoas ou destruição de objetos.
O livro descreve, inicialmente, a importância do ensino da fala em oposição a sistemas de comunicação alternativos, para pessoas com autismo e sem prejuízos de estrutura nervosa ou motora, que poderiam impedir o seu desenvolvimento. Depois, apresenta alguns pré-requisitos comportamentais para a emergência da fala, seguidos de correquisitos e da fala propriamente dita. Toda a estrutura de ensino encontra-se direcionada a produzir as chamadas explosões de linguagem, a cada etapa do programa de aprendizagem.
Na obra, são oferecidos procedimentos e protocolos específicos para o ensino dos pré e correquisitos da fala, sob o enfoque analítico-comportamental e voltados, principalmente, para profissionais da Saúde e da Educação que trabalham diretamente com o atendimento a pessoas com autismo, mas também a pais e estudantes das áreas de Psicologia, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional, Enfermagem, Educação Especial, Educação e afins.
O autor alerta que “o ensino da fala deve ser conduzido por um profissional devidamente capacitado em ABA, em nível de pós-graduação, e de acordo com padrões previamente estabelecidos por organismos nacionais e internacionais da área. Além da pós-graduação, este profissional deve apresentar proficiência em exames teóricos e conceituais, extensas práticas clínicas e contar com a supervisão de terapeutas capacitados e experientes”.
O evento de lançamento do “ABA: Ensino da fala para pessoas com autismo” é aberto ao público e será às 18h30, na Livraria da Vila, no Shopping Higienópolis, em São Paulo. Mais informações sobre o livro podem ser obtidas no site www.edicon.com.br.

anexos:

  1. Livro será lançado em 18/12, em São Paulo (Foto: Divulgação)
    Celso Goyos, autor do livro e professor da UFSCar (Foto: Divulgação)