Vôlei Osasco-Audax enfrenta o BRB/Brasília no encerramento do primeiro turno da Superliga

Header
Siga-nos ... Siga-nos ... Website ... Entre em contato ... Quinta-feira, 10 de Janeiro de 2019

Equipe de Walewska, Mari Paraíba, Hooker, Camila Brait e cia joga no Distrito Federal embalada pela boa vitória sobre o Curitiba Vôlei. Objetivo é conquistar mais três pontos fora de casa para subir na classificação geral

Alta  | Web
O técnico Luizomar (João Pires / Fotojump)

O técnico Luizomar
(João Pires / Fotojump)

Alta  | Web
A oposta Hooker (João Pires / Fotojump)

A oposta Hooker
(João Pires / Fotojump)

Alta  | Web
A central Walewska (João Pires / Fotojump)

A central Walewska
(João Pires / Fotojump)

Alta  | Web
Mari Paraíba no aquecimento (João Pires / Fotojump)

Mari Paraíba no aquecimento
(João Pires / Fotojump)

Alta  | Web
Camila Brait no treino em Osasco (João Pires / Fotojump)

Camila Brait no treino em Osasco
(João Pires / Fotojump)

Osasco, (SP) – O Vôlei Osasco-Audax enfrenta o BRB/Brasília Vôlei nesta sexta-feira (11), a partir das 20h, no Distrito Federal, pela última rodada do primeiro turno da Superliga 2018/19. Embaladas pela boa vitória por 3 sets a 0 sobre o Curitiba Vôlei na terça-feira (8), as comandadas de Luizomar partem em busca de mais três pontos fora de casa. Dependendo dos demais resultados da rodada, a equipe osasquense pode saltar da oitava para a quinta posição na classificação geral da competição.

Com cinco vitórias na Superliga, o Vôlei Osasco soma 15 pontos. Se chegar aos 18, pode ultrapassar o Curitiba Vôlei, Fluminense – ambos com 16 pontos – e o Hinode Barueri, que tem 17. “O time se comportou bem em quadra após a pausa para as festas de final de ano e a vitória sobre Curitiba, um adversário direto, foi importante. Temos muita a fazer no returno e crescer cada vez mais para buscar uma melhor posição na tabela, já projetando os playoffs”, afirma o técnico Luizomar.

O adversário desta sexta-feira ocupa a nona colocação na Superliga, com três vitórias e sete derrotas. Embora esteja apenas uma posição atrás do Vôlei Osasco na tabela, o BRB/Brasília Vôlei soma somente nove pontos, enquanto o time osasquense tem 15. “Seguimos para o Distrito Federal conscientes da necessidade de fazer um bom jogo para conquistar a vitória. Não esperamos vida fácil, mas estamos animadas com o bom desempenho em Curitiba, principalmente porque jogamos com muita união e dedicação”, avalia a ponteira Mari Paraíba.

Após o encerramento do primeiro turno, o Vôlei Osasco-Audax abre o returno no dia 18, a partir das 19h30, no ginásio José Liberatti, contra o São Cristóvão Saúde/São Caetano. Será o reencontro do time com sua fanática torcida em 2019, após duas rodadas atuando fora de casa.

Time do Sonho – De acordo com a estatística da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), o Vôlei Osasco-Audax segue com duas atletas na seleção da Superliga. A central Walewska e a ponteira Mari Paraíba continuam a figurar no Time do Sonho. A líbero Camila Brait também aparece na lista de destaques no Time do Sonho 2.

Camila Brait está em quarto lugar na lista de melhores atletas no quesito recepção, com 69% de aproveitamento. A central Walewska ocupa a quarta posição entre as bloqueadoras mais eficientes, com 27 pontos marcados nesse fundamento.

Equipe para a temporada 2018/19 – O Vôlei Osasco-Audax reformulou seu elenco para a temporada 2018/19. Reuniu três campeãs olímpicas – Paula Pequeno, Walewska e Carol Albuquerque -, além de contar com atletas que jogaram na Seleção Brasileira recentemente – Claudinha e Lorenne – e jogadoras que já defenderam seu país em competições internacionais – Mari Paraíba, Camila Brait, a norte-americana Hooker e a peruana Angela Leyva. Também tem no grupo as centrais Natasha, Nati Martins e a ponteira/oposta Domingas. A equipe osasquense investe ainda na nova geração do esporte. Renovou os contratos da líbero Kika e da levantadora Gabriela Zeni, e trouxe a ponteira Vivi e a central Mayara.

Novos patrocinadores – Para a temporada 2018/19, o Osasco Voleibol Clube conta com novos patrocinadores: Audax, Grupo Marquise, Grupo Resek (Reserva Raposo), Autopass (Cartão BOM) e Icone.

SUPERLIGA 2018/19 – 1º TURNO
16/11- São Cristóvão Saúde/São Caetano 1 x 3 VÔLEI OSASCO-AUDAX – São Caetano
20/11 – VÔLEI OSASCO-AUDAX 3 x 1 Sesi Vôlei Bauru – Osasco
23/11 – VÔLEI OSASCO-AUDAX 2 x 3 Pinheiros – Osasco
27/11 – VÔLEI OSASCO-AUDAX 0 x 3 Fluminense – Osasco
04/12 – Hinode Barueri 2 x 3 VÔLEI OSASCO-AUDAX – Barueri
7/12 – Balneário Camboriú 0 x 3 VÔLEI OSASCO-AUDAX – Camboriú/SC
14/12 – Sesc-RJ 3 x 0 VÔLEI OSASCO-AUDAX – Rio De Janeiro/RJ
18/12 – VÔLEI OSASCO-AUDAX 0 x 3 Minas Tênis Clube – Osasco
21/12 – VÔLEI OSASCO-AUDAX 0 x 3 Dentil/Praia Clube – Osasco
8/1 – Curitiba Vôlei 0 x 3 VÔLEI OSASCO-AUDAX – Curitiba/PR
11/1 – 20h – BRB/BRASÍLIA Vôlei x VÔLEI OSASCO-AUDAX – Brasília/DF

SUPERLIGA 2018/19 – 2º TURNO
18/01- 19h30 – VÔLEI OSASCO-AUDAX x São Cristóvão Saúde/São Caetano – Osasco
25/01 – 19h30 – Sesi Vôlei Bauru x VÔLEI OSASCO-AUDAX – Bauru
29/01 – 20h – Pinheiros x VÔLEI OSASCO-AUDAX – São Paulo
08/02 – 19h30 – VÔLEI OSASCO-AUDAX x Hinode Barueri – Osasco
12/02 – 19h30 – VÔLEI OSASCO-AUDAX x Balneário Camboriú – Osasco
15/02 -20h – Minas Tênis Clube x VÔLEI OSASCO-AUDAX – Belo Horizonte
22/02 -19h30 – VÔLEI OSASCO-AUDAX x Sesc-RJ – Osasco
26/02 – 19h30 – Dentil/Praia Clube x VÔLEI OSASCO-AUDAX – Uberlândia
08/03 – 19h30 – VÔLEI OSASCO-AUDAX x Curitiba Vôlei – Osasco
12/03 – 20h – Fluminense x VÔLEI OSASCO-AUDAX – Rio de Janeiro
15/03 – a definir – VÔLEI OSASCO-AUDAX x BRB/BRASÍLIA Vôlei – Osasco

Mais informações:
Fan page: https://www.facebook.com/osascovoleibolclube/
Instagram: www.instagram.com/osascovoleibolclube/
Twitter: www.twitter.com/osascovc

Site: www.zdl.com.br
Facebook: 
www.facebook.com/ZDLSports
Instagram: www.instagram.com/zdlsports
Twitter: www.twitter.com/ZDLcomunica