Davos: Bolsonaro levará mensagem sobre abertura comercial e expressão do Brasil no mundo

Kariane Costa – EBC – Foto Marcelo Camargo da Agência Brasil

Em entrevista exclusiva à Rádio Nacional, nesta sexta-feira (18), no Palácio do Planalto, o ministro da Secretaria de Governo, general Santos Cruz, disse que o espaço privilegiado dado ao presidente Jair Bolsonaro no Fórum Econômico Mundial de Davos é um reconhecimento internacional.

O presidente viaja para a Suíça na próxima semana para o encontro.

Segundo o ministro, a abertura econômica comercial do Brasil e a expressão do país no mundo serão temas presentes nas mensagens que o presidente vai levar aos principais líderes mundiais.

Bolsonaro será o primeiro a presidente latino-americano a falar na sessão inaugural do Fórum econômico Mundial.

O tema do fórum este ano é “Globalização 4.0: Moldando uma arquitetura global na era da quarta revolução industrial”. Na ocasião, os líderes mundiais devem discutir o esforço conjunto para a elaboração de uma agenda econômica global, regional e setorial.

O general Santos Cruz também falou à Rádio Nacional sobre as tratativas do governo brasileiro em apoiar a Assembleia Nacional da Venezuela contra a posse de Nicolás Maduro.

Ele destacou que o povo venezuelano está sofrendo com a ditadura em implantação no país.

Nesta semana, o presidente Jair Bolsonaro recebeu, no Palácio do Planalto, uma comitiva da Venezuela oposicionista ao governo de Nicolás Maduro e gravou uma mensagem de apoio ao povo do país vizinho.