Melo e Kubot enfrentam Djokovic e Tipsarevic na estreia em Cincinnati nesta segunda-feira (12)

Melo e Kubot enfrentam Djokovic e Tipsarevic na estreia em Cincinnati nesta segunda-feira (12)

12 de agosto de 2019 0 Por daniel

Será a segunda vez em 2019 que a dupla – que joga como cabeça de chave número 2 – terá como adversário o sérvio, número 1 do mundo em simples. Em março, na semifinal em Indian Wells, Melo e Kubot venceram Djokovic, então com o italiano Fabio Fognini. Jogo será por volta das 14h (horário de Brasília)

São Paulo, (SP) – A estreia de Marcelo Melo e Lukasz Kubot, cabeças de chave número 2, no Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos, será diante dos sérvios Novak Djokovic e Janko Tipsarevic, que receberam wild card para disputar o torneio. O jogo, marcado para esta segunda-feira (12), por volta das 14h (horário de Brasília), será o segundo da dupla neste ano diante do número 1 do mundo em simples. Melo e Kubot venceram Djokovic – então em parceria com o italiano Fabio Fognini – na semifinal do Masters 1000 de Indian Wells (EUA), em março, em que ficaram com o vice-campeonato.

O Masters 1000 de Cincinnati, com início neste domingo (11), é o terceiro e último torneio de Melo e Kubot antes do US Open, quarto Grand Slam do ano, que encerra a gira em quadra dura, que já teve o ATP 500 de Washington (EUA) – em que chegaram até a semifinal – e o Masters 1000 de Montreal, no Canadá – parando na primeira rodada. No ano passado, em Cincinnati, dupla foi até as quartas de final. O US Open será realizado a partir do dia 26 deste mês, em Nova Iorque (EUA).

Melo e Kubot ocupam o quarto lugar na Corrida para Londres 2019, com 2.835 pontos. No ranking mundial individual de duplas, Melo é o quinto colocado, somando 6.230 pontos. Kubot aparece em quarto, com 6.500.

Marcelo na equipe da Copa Davis – Marcelo Melo estará mais uma vez representando o Brasil na Copa Davis. Ele integra a equipe – a primeira convocação do novo capitão, Jaime Oncins – que estará jogando o Zonal Americano I, no saibro da Sociedade Recreativa Mampituba, em Criciúma (SC), nos dias 13 e 14 de setembro, diante de Barbados. Ele formará dupla com Bruno Soares. Thiago Monteiro, João Menezes – ouro no Pan-Americano de Lima – e Thiago Wild completam os convocados.

Vinte e seis vitórias em 2019 – O mineiro Marcelo Melo, 35 anos, e o polonês Lukasz Kubot, 37 anos, estão jogando juntos desde o início da temporada 2017. Antes, formaram parceria em torneios como o ATP de Viena, onde foram campeões em 2015 e 2016. Na temporada 2019, conquistaram 26 vitórias, quatro no Masters 1000 de Indian Wells, com o vice-campeonato, três no Masters 1000 de Miami, duas no Masters 1000 de Monte Carlo, uma em Barcelona, duas em Madri, três em Roma, duas em Roland Garros, uma em s-Hertogenbosch, três em Halle, três em Wimbledon e duas em Washington.

Em 2018, Melo e Kubot disputaram 63 jogos, em 25 torneios, com 41 vitórias, conquistando quatro títulos: ATP 250 de Sidney, na Austrália; ATP 500 de Halle, na Alemanha; ATP 500 de Beijing e Masters 1000 de Xangai, ambos na China. Nos Grand Slam, foram vice-campeões no US Open, em Nova Iorque (EUA). O ano marcou três recordes na carreira de Marcelo: passou a ser o tenista brasileiro com maior número de semanas no topo do ranking – 56; recordista brasileiro em número de títulos da ATP, encerrando 2018 com 32; e o jogador brasileiro que mais vezes disputou o ATP Finals – seis vezes.

Principais conquistas na carreira – Entre os 32 títulos de Marcelo Melo na carreira, todos em duplas, dois são Grand Slam – Roland Garros, na França (2015) e Wimbledon, em Londres (2017) e nove Masters 1000, além de sete ATP 500 e 14 ATP 250. Em 2018, pelo 12º ano consecutivo comemorou ao menos um título por temporada. O primeiro título em torneios ATP foi em 2007, no Estoril, em Portugal. Tem dois Grand Slam, além de um vice em Londres (2013) e um vice (2018) e duas semifinais no US Open. Marcelo também lidera no número de títulos em Masters 1000. Em Xangai 2018 chegou ao nono, depois de ganhar Xangai (2013 e 2015), Paris (2015 e 2017), Toronto (2016), Cincinnati (2016), Miami (2017) e Madri (2017).

Temporada 2019

Vice-campeonato 
Masters 1000 – 
Indian Wells (EUA), rápida
ATP 500 – Halle (Alemanha), grama 

Temporada 2018

Títulos:
ATP 250 –
 Sidney (Austrália), rápida
ATP 500 – Halle (Alemanha), grama
ATP 500 – Beijing (China), rápida
Masters 1000 – Xangai (China), rápida

Vice-campeonato:
Grand Slam – US Open
 – Nova Iorque (EUA), rápida

Mais informações:
Site:  
www.melomarcelo.com Fanpage:  facebook.com/marcelomelo83 Instagram: @marcelomelo83


Footer