Senador Nelsinho Trad participa de reunião do Parlasul no Uruguai

Senador Nelsinho Trad participa de reunião do Parlasul no Uruguai

1 de outubro de 2019 0 Por daniel

O senador Nelsinho Trad (PSD/MS), presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) do Senado Federal, participou nesta segunda da septuagésima oitava sessão plenária do Parlasul em Montevidéu, no Uruguai. “É uma jornada marcada por várias atividades, como o Primeiro Encontro de Diálogo Político e Social do MERCOSUL sobre Mudanças Climáticas e a apresentação do Plano de Ação para o Estatuto da Cidadania do Mercosul. Também se discute o Acordo de Transporte Fluvial da Hidrovia Paraguai-Paraná (Porto de Cáceres – Porto de Nova Palmira)”, comentou o senador Nelsinho Trad. Interessado no Projeto da Rota Bioceânica para o Brasil e, em especial, ao Estado de Mato Grosso do Sul, o senador Nelsinho Trad aproveitou a oportunidade para falar com os parlamentares de outros países sobre a Rota Bioceânica. Segundo ele, os parlamentares do Paraguai trouxeram boas novas sobre o andamento das obras do corredor bioceânico em seu país. “Em Mato Grosso do Sul, os recursos para construção dos acessos na BR-267 vão entrar no orçamento para o ano que vem. Fico muito satisfeito em ver que o corredor que corta a América do Sul, entre os oceanos Atlântico e Pacífico, passando por MS, Paraguai, Argentina e Chile, sairá do papel”, comentou o senador Nelsinho Trad. O projeto da Rota Bioceânica, de acordo com o senador, vai promover economia de 8 mil km marítimos nas exportações entre o Brasil e a Ásia. “Teremos então economia de quase 40% no valor do frete e inúmeras oportunidades de investimentos, geração de emprego e renda para o Brasil”, esclareceu Nelsinho Trad. 
Convênio de CooperaçãoDurante a sessão ordinária no Edifício Mercosul, o senador Nelsinho Trad contou que também foi assinado um Convênio de Cooperação entre o Parlamento do Mercosul e a Agência Nacional de Pesquisa e Inovação de Uruguai (ANII). “Com esse convênio, se informatiza o sistema de comunicação, e cria-se uma agência 100% online, onde todos, uruguaios e estrangeiros, podem apresentar-se com agilidade.”​

Senado