JCI Brasil deve impactar mais de 1 milhão de jovens com conteúdos sobre liderança em 2020

Entre os objetivos da organização sem fins lucrativos está o de aumentar a captação de membros, trazendo mais jovens a se capacitarem como líderes através de conteúdos e projetos que impactam suas comunidades pelo empreendedorismo social.

Segundo Thaynan Mariano, Presidente da JCI Brasil para 2020, a organização – que é mundial e centenária – já tem atua nesse sentido desde o seu início, sendo que a questão primordial para o novo período é ampliar sua capacidade de atingir mais jovens, oferecendo oportunidades de desenvolvimento de lideranças voluntárias em todos os cantos de nosso país: “temos como objetivo impactar mais de 1 milhão de jovens e captar cerca de mil novos membros este ano”, confirma.

Os objetivos devem ser atingidos através da oferta de conteúdos sobre liderança e empreendedorismo, que ocorrerá através de suas redes sociais, nos encontros e convenções que a JCI Brasil promove em todo o país e da participação dos jovens interessados nas organizações locais, seja nas cidades que já possuem JCI, ou onde houver interesse na implementação de um capítulo. No conteúdo estão incluídas capacitações e treinamentos em oratória, debates, oportunidades de experiências internacionais e networking. “Não é à toa que temos ex-membros que são, hoje, grandes empresários, políticos e já tivemos nomes de extrema importância na história de diversos países. O objetivo da JCI é promover uma atitude independente mas sempre com foco no social”, explica Thaynan.

A JCI pretende captar membros que desejem se capacitar e, por meio de suas ações, mudar a realidade ao seu redor e ajudar a mudar o mundo, através da liderança voluntária e do empreendedorismo social.

A JCI Brasil é braço da organização mundial JCI, composta por jovens que buscam no aprimoramento individual as bases para o desenvolvimento de suas comunidades. “A JCI se utiliza da energia e do entusiasmo dos jovens para desenvolver seu espírito de iniciativa e liderança, defendendo a liberdade de empresa, os direitos do indivíduo, estimulando a fraternidade entre os homens e servindo a humanidade, sob a égide da liberdade e da democracia”, lembra o presidente.

Hoje, a JCI congrega mais de 200.000 jovens em 110 países e territórios. As organizações locais (capítulos) estão espalhadas por mais de 6.000 comunidades. Entre os nomes conhecidos de da JCI estão empresários e políticos, como o Príncipe Albert de Mônaco, o Primeiro Ministro do Japão, o presidente da França e os ex-presidentes americanos Bill Clinton, Geral R. Ford, Richard M. Nixon, John Kennedy, Albert “Al” Gore Jr., entre muitos outros nomes de peso no mundo todo e gravados na história das grandes lideranças humanas.

Saiba mais em: https://www.jci.org.br/

Siga as redes sociais:

Instagram: @jcibrasil

Facebook: /jcibrasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *