Diarista morre atropelada por caminhão quando voltava do trabalho

Lucimar Souza Monteiro, 41 anos, trabalhava em condomínio
19/02/2020 09:35 – Camila Andrade Zanin, Eduardo Miranda
Diarista morreu enquanto era socorrida pelo resgate – Bruno Henrique

A diarista Lucimar Souza Monteiro, 41 anos, morreu em acidente de trânsito na manhã desta quarta-feira (19), na Avenida Gury Marques, em Campo Grande. O choque entre um carro, que fugiu, a motocicleta em que ela estava, e o caminhão que a atropelou ocorreu em frente ao radar da via, perto da faculdade Anhanguera, no Bairro Universitário.  

Lucimar, que fazia faxinas no período noturno em um condomínio de Campo Grande, voltava do trabalho para casa quando sofreu o acidente, contou uma amiga dela que, por estar abalada, não quis se identificar. O trânsito estava intenso no momento do acidente, e o toque do retrovisor de um carro prata (provavelmente um gol, segundo uma testemunha) derrubou a motocicleta que ela conduzia e a arremessou para baixo de um caminhão que transitava em baixa velocidade.  

No chão, Lucimar foi atropelada pela roda do caminhão. Um homem que seguia atrás dos veículos e testemunhou o acidente, acionou o resgate.

Quando os bombeiros chegaram, a diarista ainda respirava. Antes do início do transporte para o hospital, porém, Lucimar não resistiu e morreu.  

O acidente foi registrado e será investigado pela 4ª Delegacia de Polícia, responsável pelo atendimento na região. 

Depois de cair da moto, diarista foi atingida por roda de caminhão – Bruno Henrique

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *