Essenciais ao combate à Dengue, agentes de endemias continuam visitando residências para orientação e eliminação do foco

Essenciais ao combate à Dengue, agentes de endemias continuam visitando residências para orientação e eliminação do foco

25 de março de 2020 0 Por raysantos

A Prefeitura de Três Lagoas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), informa que os agentes de endemias estão trabalhando normalmente, mesmo nesse período de restrição devido ao Covid-19, pois assim como outros, representam um serviço essencial ao bem-estar da população.

Com isso, vale ressaltar que, devido às ações de combate à Dengue, os agentes visitarão as casas e terão que adentrar o imóvel para verificação de focos do mosquito aedes aegypti. Segundo o coordenador de Endemias e Controle de Vetores, Alcides Divino Ferreira, os agentes sempre estão devidamente uniformizados.

“Todos os funcionários da prefeitura que solicitam para ter acesso a casa, estarão de uniforme e crachá de identificação. Caso a pessoa tenha dúvida, ela pode ligar para 67 3929-1036 e consultar sobre o funcionário em questão”, explicou Alcides.

CASOS DE DENGUE

Como consta no Boletim de Monitoramento da Dengue, nesta semana epidemiológica de 2020, foram notificados 135 novos casos suspeitos de Dengue e o total acumulado do ano, incluindo os resultados desta semana, chega a 2.927 casos suspeitos.

Feitos semanalmente os devidos ajustes de monitoramento da Dengue, esse total acumulado de casos suspeitos é a soma dos 81 casos notificados suspeitos na primeira semana; 112 na segunda; 96 na terceira semana; 221 casos na quarta semana; 329 na quinta semana; 330 na sexta semana; 437 na sétima semana; 393 na oitava semana; 259 na nona semana; 329 na décima semana; 205 na 11ª semana; e 135 nesta 12ª semana de 2020.

Como também consta no referido Boletim de Monitoramento semanal, 1.658 casos foram confirmados como positivos e 574 já descartados como negativos, segundo os resultados concluídos de exames laboratoriais ou clínicos. Os demais casos notificados suspeitos, ou seja, 695 ainda aguardam os resultados de exames laboratoriais.

uc?export=download&id=1-cRBwqxrk3H3ddufPhHbusrsLIUmVV38&revid=0B5eNSletlMHQQlZBTUhwclEwOGJWaVREeU5yMDZoOTF2SGc4PQ