Homem morre e três são baleados em adesivagem política na fronteira

Homem morre e três são baleados em adesivagem política na fronteira

10 de novembro de 2020 Off Por Ray Santos

Coronel Sapucaia, INTERIOR, Policial, POLITICA – Jornal do Estado MS

No chão foram encontrados 12 cápsulas de pistola 9 milímetros

Baleado, homem de 45 anos não resistiu aos ferimentos e morreu no local ©DR

Um homem de 45 anos foi morto e outros três ficaram feridos em um atentado, na tarde deste domingo (8), em Coronel Sapucaia, distante 401 km de campo Grande.

Segundo boletim de ocorrência, haviam várias pessoas pela rua em razão de um evento político que acontecia no local, que fica em frente à uma conveniência, na praça da cidade.

O documento diz que dois homens chegaram em uma motocicleta em frente ao bar, usando capacetes, sendo que o garupa estava com uma pistola. Ele desceu e começou disparar várias vezes contra Aníbal, que morreu no local.

Outras três pessoas acabaram feridas, sendo uma mulher de 21 anos que foi atingida no pé; um homem de 50 anos que teve o lado esquerdo do abdômen ferido superficialmente, com um dos disparos; e ainda outro homem de 62 anos, que foi atingido na boca.

Este último é marido da candidata a prefeita, Claudinha Maciel (PSD), que em sua rede social postou um vídeo contando sobre o acontecido.

Segundo ela, um partido concorrente tinha uma adesivagem protocolada até as 15h, quanto iria iniciar a adesivagem do partido da candidata.
Ela conta que Aníbal é tio de um candidato da coligação e que os outros feridos são trabalhadores e apoiadores da campanha.

Após o crime, os autores fugiram e as vítimas foram socorridas pela população para o hospital municipal da cidade. No local, a PM (Policia Militar) encontrou 12 cápsulas de munição 9mm e ainda um projétil.

O caso foi registrado na Polícia Civil do município.

Por: Fábio Oruê