Saúde de Três Lagoas inicia 2021 com a notificação de 45 casos suspeitos de Dengue na primeira semana epidemiológica

Saúde de Três Lagoas inicia 2021 com a notificação de 45 casos suspeitos de Dengue na primeira semana epidemiológica

12 de janeiro de 2021 Off Por Ray Santos

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, por meio da equipe do setor de Vigilância Epidemiológica, inicia 2021 com a notificação de 45 casos suspeitos de Dengue, nesta que é a primeira semana epidemiológica do ano.
Este resultado consta no Boletim Semanal de Monitoramento da Dengue, divulgado nesta terça-feira (12). 
Desse total, ainda não foram concluídos e divulgados os resultados dos exames laboratoriais ou clínicos para certificação do número de casos positivos ou negativos desta primeira semana epidemiológica do ano
O fechamento do ano de 2020 foi concluído na semana passada, dia 05, com a divulgação do Boletim Epidemiológico de Monitoramento da 53ª Semana Epidemiológica, referente aos casos de Dengue notificados no período de 29 de dezembro de 2020 a 04 de janeiro de 2021.
FECHAMENTO PARCIAL DO ANO EPIDEMIOLÓGICO 
Feitos os devidos ajustes, o total acumulado de casos notificados suspeitos de 2020 chegou a 4.282. Desse total, 2.897 foram confirmados casos positivos e 1.383 obtiveram resultado negativo. Ainda resta o resultado de dois casos do total de notificados.
O total de casos notificados se refere à soma dos resultados mensais, informados pela Vigilância Epidemiológica, ou seja: janeiro (776); fevereiro (1.491); março (1.035); abril (263); maio (147); junho (100); julho (89); agosto (75); setembro (48); outubro (45); novembro (77); e dezembro (136).
LEISHMANIOSE
Como consta no primeiro Boletim Semanal de Monitoramento da Leishmaniose, a doença se manteve estável e sem alterações, desde a 45ª semana epidemiológica de 2020.
No total acumulado do ano, Três Lagoas registrou  47 casos notificados suspeitos, sendo três casos positivos e 44 descartados.
Os casos positivos foram notificados e confirmados na 03ª, na 38ª e na 45ª semana epidemiológica de 2020. Todos os casos, logo que notificados e diagnosticados, foram devidamente tratados e obtiveram alta médica.

uc?export=download&id=1-cRBwqxrk3H3ddufPhHbusrsLIUmVV38&revid=0B5eNSletlMHQQlZBTUhwclEwOGJWaVREeU5yMDZoOTF2SGc4PQ