24% das brasileiras não vacinaram ou vacinariam seus filhos contra Covid, diz estudo

28 de fevereiro de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Principalmente as mulheres dos 25 aos 29 anos, com 26% das participantes

A vacinação para crianças contra a Covid-19, começou no Brasil em janeiro deste ano e não é um consenso entre os pais: há quem comemore quando seu filho ou outra criança da família é vacinada, já outros se mostram reticentes quanto a essa decisão. E conforme constatou o Trocando Fraldas em seu mais recente estudo, 24% das brasileiras não vacinaram ou vacinariam seus filhos contra a Convid-19, independente da idade. Somente 6% delas vacinaram ou vacinariam seus filhos de dois anos ou mais, 16% as crianças de 5 anos ou mais, e 17% as de 11 anos ou mais. 

Embora 91% das participantes tenham se vacinado contra a Covid, no resultado geral, apenas 37% vacinaram ou vacinariam seus filhos em qualquer idade. Já os dados por estado demonstram que São Paulo é o estado em que mais mães vacinaram ou vacinariam seus filhos, com 82% das participantes. Em Minas Gerais e no Rio Grande do Sul, pelo menos 78%, e no Rio de Janeiro e Distrito Federal, 75%. Já Roraima, é o estado com o menor percentual de mães que vacinaram seus filhos contra Covid, com 61% das entrevistadas. 

Ainda, 57% das mulheres são a favor da obrigatoriedade da vacinação em crianças. Principalmente no Piauí, que é o estado em que mais participantes são a favor da imunização em seus filhos, com 64%. Seguido de Paraná e São Paulo, com 63% das entrevistadas. No Rio de Janeiro, 59% são a favor desta obrigatoriedade de imunização. Já em Santa Catarina o percentual cai para 45% das entrevistadas a favor da obrigatoriedade de vacinação contra Covid 19 em crianças.

Famivita Com,.


Compartilhar