AJI-NO-MOTO® anuncia episódios da série “Não custa nada perguntar”

25 de fevereiro de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Em retomada da ação realizada em 2021, marca lança novos vídeos com a missão de desmitificar o glutamato monossódico

São Paulo, 25 de fevereiro do ano 2022 – O realçador de sabor AJI-NO-MOTO®, da Ajinomoto do Brasil, dá continuidade ao movimento de dialogar com os consumidores no ambiente digital e anuncia, pelo segundo ano consecutivo, novos episódios da série “Não custa nada perguntar”, que tem como objetivo desmitificar o glutamato monossódico, também conhecido como MSG. Composto por cinco vídeos, o projeto abordará diferentes temas, explorando desde informações sobre o produto, mitos e verdades, curiosidades e até seu uso na gastronomia. Além disso, conta com grandes nomes entre os convidados, como os ex-participantes do reality Master Chef, Leo Young e Sal Sampaio, o tiktoker Mr. Emerson e o professor Rafael Irigoyen, do canal do Youtube “Pura Física”.

“A proposta do da série é continuar o trabalho de explicar o que é o MSG, reforçando seu histórico, esclarecendo conceitos, mitigando preconceitos e destacando benefícios do produto, de uma forma bem leve, prática e descontraída.”, destaca Carolina Sanches, gerente de marketing da Ajinomoto do Brasil.

A série terá como produtor e âncora o chef Bruno Salomão, que é conhecido por compartilhar em suas redes sociais seu prazer pela arte e desmitificar técnicas da gastronomia. Em todos os vídeos, receitas especiais serão provadas pelos participantes, e, em alguns episódios, os chefs ensinarão como preparar os pratos. A ideia é promover também um teste cego, que tem como objetivo demonstrar como o AJI-NO-MOTO® colabora no equilíbrio dos gostos.

A campanha “Não custa nada perguntar” estará disponível nas redes sociais da marca AJI-NO-MOTO®, Instagram (instagram.com/ajinomotobr) e Facebook (facebook.com/ajinomotobr), e no canal do YouTube, Cansei de Ser Chef.

Sobre AJI-NO-MOTO®

AJI-NO-MOTO® realça o sabor natural dos alimentos e confere o gosto umami. Feito a partir da cana-de-açúcar, uma matéria-prima natural, além de deixar as receitas muito mais saborosas, o produto pode ser uma alternativa na redução de sódio na preparação dos alimentos, pois possui aproximadamente 1/3 da quantidade de sódio presente no sal de cozinha. Substituindo a metade da quantidade de sal utilizada nas preparações por AJI-NO-MOTO®, o sabor da receita será mantido e o teor de sódio reduzido pode chegar a 37%. AJI-NO-MOTO® não altera a cor e não salga os alimentos. Use em carnes, legumes, verduras, sopas, molhos e outras preparações do dia a dia.

Sobre a Ajinomoto do Brasil

Presente no Brasil desde 1956, a Ajinomoto do Brasil se empenha em oferecer produtos de qualidade tanto para o consumidor como insumos para as indústrias alimentícia, cosmética, esportiva, farmacêutica, de nutrição animal e agronegócios. Atualmente, a unidade brasileira é a terceira mais importante do Grupo Ajinomoto fora do Japão, atrás apenas da Tailândia e dos Estados Unidos. A linha de produtos da empresa voltada ao consumidor é composta pelo tempero umami AJI-NO-MOTO®, AJI-SAL®, Tempero SAZÓN®, Caldo SAZÓN®, RECEITA DE CASA™, HONDASHI® e SABOR A MI®, além das sopas individuais VONO® e da linha de sopas cremosas e claras VONO® Chef. Também se destacam os refrescos em pó MID® e FIT Zero Açúcar, o azeite de oliva extra virgem TERRANO™ e o azeite de oliva tipo único TERRANO™, além dos produtos da marca Satis!®, que incluem molho shoyu e as linhas Tempera e Empana, Tempera e Dá Molho e Tempera e Dá Liga. No Brasil, a companhia também atua no segmento de food service (alimentação fora do lar). Com quatro unidades fabris, localizadas no estado de São Paulo, nas cidades de Limeira, Laranjal Paulista, Valparaíso e Pederneiras, e sede administrativa na capital, emprega cerca de 3 mil funcionários e atende tanto ao mercado interno como ao externo. A Ajinomoto, multinacional japonesa com sede em Tóquio, é líder mundial em aminoácidos. O Grupo Ajinomoto obteve um faturamento global de US$ 10,1 bilhões e nacional de R$ 2,2 bilhões no ano fiscal de 2018. Atualmente, está presente em 35 países, possui 121 fábricas e cerca de 34 mil funcionários em todo o mundo. Para saber mais, acesse www.ajinomoto.com.br.

Race Com,.


Compartilhar