Antes tendência, ferramentas digitais se consolidam como essenciais no retorno das aulas presenciais

24 de março de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Soluções na plataforma online enriquecem a aprendizagem e podem ser aproveitadas durante o ensino presencial; Colégio Master manterá recursos mesmo após a pandemia

Com o início da pandemia da Covid-19 e as profundas transformações das relações com o mundo, a tecnologia passou a exercer um papel ainda mais importante na educação. Em Fortaleza, no Colégio Máster, uma das várias plataformas escolhidas para aprimorar o desenvolvimento dos estudantes foi a “TutorMundi”, por meio da qual é possível tirar dúvidas e receber explicações a qualquer momento, o que é uma grande ajuda durante os estudos.

Sabe-se que o ensino à distância trouxe diversos desafios aos educadores, gestores e aos estudantes, uma vez que foi exigida uma adaptação apressada com o modelo de educação digital. O contato com colegas e professores fez falta. Trocar conhecimento por meio de telas não parecia trazer os resultados como se aguardava até então.

Apesar das limitações impostas nesse período, no entanto, o debate sobre tornar a educação mais atual, contextualizada e atrativa por meio de ferramentas digitais ganhou força. O TutorMundi, que dá ao estudante a possibilidade de tirar dúvidas e aprofundar alguns temas, inicialmente foi adotado durante a pandemia, mas diversos benefícios foram observados com a sua utilização, de forma que a manutenção da ferramenta tornou-se fundamental mesmo com o arrefecimento da pandemia.

Para além dessa plataforma, outras como Canvas, Quadrado Mágico e Discord, todas passaram a fazer parte integrante do projeto pedagógico e vem enriquecendo o aprendizado. Esse movimento, que vem sendo amplamente discutido no cenário da educação, mostra a necessidade de fazer uso das novas potências a disposição.

“A aceleração digital causada pela pandemia possibilitou a entrada no universo online de forma muito rápida. Os professores, ajudados pela tecnologia, podem levar mais inovações, interatividade e atendimento direcionado aos alunos” explica Luciano Leal, diretor de ensino do pré-universitário do Colégio Máster.

“Os alunos no pós-pandemia têm demandas bastante diferentes do que antes, eles desejam mais agilidade no aprendizado e procuram soluções eficientes. Já os professores, com a tecnologia, dispõem de dados ricos a respeito da compreensão dos alunos, da taxa de aproveitamento do ensino de forma geral” revela o diretor.

Pensando nisso, a educação só tem a se beneficiar quando integrada à tecnologia e ao universo digital. Mais do que nunca se entende a necessidade de formar vínculos durante o processo de aprendizagem e inovar, e as plataformas educativas, felizmente, servem esse propósito.

Sobre o Colégio Master (https://www.colmaster.com.br/) – Com sede localizada em Fortaleza, no Ceará, o Colégio Master conta com três unidades de ensino, sendo duas na capital cearense e uma na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte. Desde 2000, a instituição trabalha para garantir a formação integral dos alunos, preparando-os não somente para o ingresso ao Ensino Superior, mas, também, para a vida. A escola desenvolve práticas pedagógicas que intensificam a aprendizagem dos estudantes, oferecendo uma sólida formação humana atrelada ao ensino de qualidade. O resultado dessa entrega e eficiência é notável principalmente no desempenho dos estudantes em exames e vestibulares de todos os níveis, inclusive os de alta performance. Equilibrada entre os dois pilares, humanização e performance, o Master visa dar ao mundo pessoas capazes de transformá-lo para o bem.

Mira Com,.


Compartilhar