Axway conduz empresas à era do Open Banking

26 de agosto de 2021 Off Por Danielsuzumura
Compartilhar

O ‘Programa Axway Open Banking’ ajuda empresas a passar pela transformação digital para operar seus sistemas de forma eficaz e conquistar novos negócios

São Paulo, agosto de 2021 – O Open Banking é encarado pelo mercado como uma revolução que transformará o sistema financeiro do Brasil. No entanto, por trás da implantação desse sistema há uma série de fatores que as fintechs, bancos e outras instituições financeiras precisam compreender e se adaptar para, por fim, implementá-lo.

Com vasta experiência em iniciativas de Open Banking na Europa e Ásia, a Axway (Euronext: AXW.PA), empresa líder em tecnologia de Integração Corporativa, lançou no Brasil o “Programa Axway Open Banking”, no final de 2020. Atualmente, onze empresas participam da iniciativa, incluindo o Tribanco.

A solução de Open Banking da Axway é construída em sua plataforma de API Management, uma líder de mercado chamada Amplify, com tecnologia que combina várias ferramentas para realizar as integrações necessárias entre os sistemas das diferentes empresas, controle de dados e consentimentos, além de garantir a segurança e privacidade de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e os padrões definidos pelo Banco Central (BC). 

“A plataforma está em acordo com todos os requisitos de segurança que o Open Banking estabelece e também traz uma funcionalidade de gestão de consentimento, que é um ponto fundamental no Open Banking, para que os clientes permitam o compartilhamento de seus dados financeiros”, explica Claudio Maia, Especialista em Soluções para Integração e Transformação Digital da Axway.

Um dos idealizadores do programa é Eyal Sivan, Head de Open Banking da Axway, e uma referência global no setor com seu popular podcast Mr. Open Banking.  “O Open Banking apresenta uma grande oportunidade de negócios para as empresas no setor financeiro brasileiro e a Axway está pronta para auxiliá-las a alcançar a transformação digital necessária para explorar essas possibilidades. O programa foi elaborado para nos ajudar a verificar que alcançamos o objetivo e que estamos realmente oferecendo uma solução completa e valiosa para o mercado brasileiro”, afirma Eyal.

Ao longo da implementação do programa, que pode durar de 30 a 90 dias, os clientes passam por diversas etapas, como:

  • Definição das prioridades e particularidades do cliente, com um feedback constante para garantir que a solução atenda às necessidades do consumidor;
  • Disponibilização de um ambiente de teste para as empresas avaliarem e se familiarizarem com a tecnologia;
  • A possibilidade de conversar com especialistas globais em tecnologia de integração e Open Banking;
  • Participantes podem adquirir a solução ao final do processo, mas alguns já decidiram implantar o sistema antes do fim do programa;

Diferente de outras opções do mercado, a tecnologia da Axway é aberta, adaptável e pode inclusive ser integrada às ferramentas de outras empresas que os clientes possuam.

Baseada nos padrões do Reino Unido, a solução já é formatada para o padrão Open Banking no Brasil, recebendo as atualizações necessárias à medida que o BC evolui com as fases regulatórias. Essa característica permite que o cliente se concentre em explorar as novas possibilidades de negócios que o sistema traz, uma vez que as demandas obrigatórias já são atendidas pela solução. Com o Open Banking, instituições bancárias poderão, por exemplo, oferecer serviços às outras e vice-versa, ampliando o leque de negócios. 

Tribanco investe em transformação digital para explorar oportunidades do Open Banking

Enquanto algumas instituições ainda estão focadas em atender aos requisitos regulatórios do Banco Central, o Tribanco já explora as oportunidades do Open Banking.  Participante do “Programa Axway Open Banking”, a empresa pretende participar de todas as fases estabelecidas pelo Banco Central para a implantação do sistema, embora seja obrigada – devido ao tipo de instituição – a ingressar apenas a partir da terceira etapa.

Preocupada com os desafios de integração dos sistemas, segurança, gestão de consentimento e compliance aos padrões do Banco Central, a empresa buscava uma solução completa e confiável.  “Resolvemos buscar no mercado um acelerador, para que não tivéssemos que implementar toda essa infraestrutura. E, depois de avaliar vários parceiros, identificamos a Axway como sendo a plataforma mais robusta e madura”, explica Leonardo Pereira, Arquiteto de Soluções do Tribanco.

O banco, pertencente ao Grupo Martins, atende especialmente clientes de pequeno e médio varejo em soluções de crédito e vê um potencial especial em melhorar a captação de clientes por meio de seus canais digitais, entre outras diversas oportunidades em estudo.  “É um mar aberto para criar novos produtos e serviços.  O Open Banking vem para facilitar a jornada do cliente dentro das instituições financeiras. E a instituição precisa atuar sendo parceira do cliente”, avalia Pedro Vilela, Product Owner de Open Banking no Tribanco.

Sobre a Axway

A Axway dá uma nova vida à infraestrutura de TI tradicional, ajudando mais de 11.000 clientes em todo o mundo a desenvolver o que já possuem para se transformarem digitalmente, adicionar novos recursos de negócios, e impulsionar o crescimento. Com nossa plataforma de integração Amplify API – a única plataforma aberta e independente para gerenciar e governar APIs em padrões de integração, em nuvem híbrida e em soluções de terceiros – ajudamos as empresas a se integrarem mais rapidamente, alcançarem novos mercados e criarem experiências digitais brilhantes. Nossas soluções de integração MFT e B2B são a escolha mais confiável há 20 anos. A Axway (Euronext: AXW.PA) emprega mais de 1.800 pessoas em 18 países. Saiba mais em axway.com.br

G&A Com,.


Compartilhar