Champions feminina: com Formiga titular, PSG elimina pentacampeão Lyon

18 de abril de 2021 Off Por Ray Santos
Compartilhar

© Reprodução/Twitter/PSG Féminines Esportes

Nas semifinais, parisienses enfrentam o Barcelona, de Giovana Queiroz

Publicado em 18/04/2021 – 15:23 Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

Não é só entre os homens que o Paris Saint-Germain briga pelo inédito título europeu. Neste domingo (18), o clube parisiense se classificou à semifinal da Liga dos Campeões da Europa feminina ao derrotar o também francês Lyon, vencedor das últimas cinco edições do torneio, por 2 a 1, no Parc OL, na cidade de Lyon.

Une immense libération d’avoir enfin décroché cette qualification face à Lyon 😍

🙌 @Irene_Paredes4 #OLPSG pic.twitter.com/O4w1NKTfNZ — PSG Féminines (@PSG_Feminines) April 18, 2021

A volante Formiga foi titular pelo PSG, sendo substituída aos 25 minutos do segundo tempo pela atacante suíça Ramona Bachmann. A outra brasileira do elenco parisiense, a também volante Luana, que é titular absoluta da equipe, sofreu uma lesão no ligamento cruzado do joelho esquerdo um dia antes do jogo de ida contra o Lyon, no último dia 24 de março.

As atuais pentacampeãs entraram em campo com a vantagem de terem vencido o primeiro duelo por 1 a 0. Logo no início da partida deste domingo, aos quatro minutos, a atacante Catarina Macário, brasileira naturalizada norte-americana, abriu o marcador para o Lyon. A meia Grace Geyoro empatou aos 25 minutos do primeiro tempo. Já aos 16 minutos da etapa final, a zagueira Wendy Renard fez contra e colocou o PSG na frente, resultado que se manteve até o apito final. Com o placar agregado empatado em 2 a 2, as parisienses avançaram por terem feito mais gols como visitantes.

La joie du vestiaire, c’est cadeau 🔥#OLPSG pic.twitter.com/KKkR99Wrs5 — PSG Féminines (@PSG_Feminines) April 18, 2021

Pela semifinal, o time de Formiga e Luana enfrenta o Barcelona (Espanha), que despachou o Manchester City (Inglaterra). A equipe catalã também tem uma jogadora brasileira: Giovana Queiroz. A atacante de 17 anos, que disputou o torneio amistoso She Believes, em fevereiro, pela seleção dirigida pela técnica Pia Sundhage, não atuou contra as inglesas.

O primeiro jogo entre francesas e espanholas está previsto para ocorrer entre os próximos dias 24 e 25, em Paris. A volta será em 2 de maio, em Barcelona. O duelo que define o outro finalista reúne Bayern de Munique (Alemanha) e Chelsea (Inglaterra). O vencedor da edição 2020/2021 da Champions Feminina será inédito.

Edição: Marcio Parente


Compartilhar