“Colocar-se no lugar do outro, abrir o coração para novos aprendizados e estender a mão a quem precisa”

9 de fevereiro de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Doar-se à causa animal uma importante mudança de hábito na rotina de quatro amigos

O amor e a necessidade em disseminar a cultura de cuidado e respeito pelos animais, aliado à importância da educação para tornar o mundo um lugar melhor, foi determinante para que, em julho de 2020, quatro amigos se unissem em prol dos bichinhos e criassem a LivrAUria.

Inspirado em um modelo de Curitiba (PR), o projeto tem como objetivo vender livros usados por um preço acessível, no qual todo o valor é destinado à ONGs, instituições e protetores que cuidam de animais abandonados e vítimas de maus tratos em Campo Grande. O voluntariado veio como uma importante mudança de hábito na vida dos fundadores, afinal, doar um tempo do seu dia por uma boa causa é um gesto nobre e que transforma, principalmente, a vida de quem tem algo a ofertar ao próximo, inclusive aos animais.

“Sabemos que mesmo com o avanço da sociedade, a leitura sempre será importante para a nossa formação pessoal e profissional. De igual forma, o apego pelos animais e tudo o que eles representam para os seres humanos. Precisamos de atitudes melhores, de pessoas com mais empatia, multiplicadoras de boas ações, e os livros sempre trarão ensinamentos e a LivrAUria proporciona tudo isso por R$10, R$15, R$20”, explica Guilherme Aparecido Giordano Ribeiro, colaborador da Unimed Campo Grande e um dos fundadores do projeto.

Mesmo sendo um trabalho voluntário, os meninos levam muito a sério o que fazem. “Desde o começo tivemos a consciência de que somente juntos manteríamos a organização e a seriedade. Somos todos fundadores, mas dividimos as funções para melhor funcionamento do projeto. Temos responsáveis pelo marketing, entregas, financeiro, recebimento de doações, etc”, detalha Guilherme.

O colaborador conta que desde o início do projeto várias portas já se abriram e os amigos têm contado com o apoio diário de muitas pessoas e até mesmo de empresas. “Dentre tantas histórias, recebemos o convite para instalar o projeto em um espaço físico, 100% sem custos, como uma forma de otimizar as vendas e atingir o público que não tem afinidade com a internet”.

Quando questionado sobre o que o motiva a continuar com o projeto, Guilherme é enfático. “Nós quatro temos diversos animais e nossa motivação diária é o amor que recebemos deles. Queríamos que todos tivessem a oportunidade que os nossos têm, de ter um lar, ração e carinho todos os dias. Fazer parte de um projeto que podemos doar nosso amor e nosso tempo em prol da causa animal e da cultura não tem preço, e saber que diversos animais recebem o tratamento que merecem, fruto das vendas dos livros e do nosso trabalho, é a nossa melhor recompensa”, pontua.

Para quem tem interesse em contribuir com a LivrAUria, basta doar livros em um dos 14 pontos de coletas em Campo Grande, comprar os exemplares pelo Instagram @livrauriacg ou ainda compartilhar o projeto com amigos e familiares.

“Acreditamos que os animais de maneira geral são os melhores amigos do homem, eles representam afeto, amor, companheirismo e fidelidade. Estamos com a LivrAUria ativa por eles e juntos, continuaremos proporcionando uma segunda chance aos animais e aos livros”, finaliza.

Comunicação Unimed Campo Grande – MS


Compartilhar