Confederação Nacional de Serviços divulga Boletim Econômico Nacional

7 de fevereiro de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

A Confederação Nacional de Serviços (CNS) divulgou nesta quarta-feira (2) o Boletim Econômico Nacional, onde traz informações técnicas sobre a desaceleração da economia, aumento da inflação e forte subida nos juros.

Após o mergulho do PIB no segundo semestre de 2020, período em que as empresas reduziram a produção e que houve fortes restrições a atividades presenciais, a economia iniciou um processo de retomada das atividades. No início, a recuperação foi forte, mas veio perdendo força ao longo dos trimestres subsequentes.

A balança das transações de mercadorias do Brasil com o resto do mundo continuou a apresentar saldos positivos nos últimos meses de 2021. No acumulado de 2021, o saldo comercial foi de USD 36,1 bilhões. Na comparação com 2019, momento anterior à crise sanitária, o saldo cresceu 36,3%, resultado de uma expansão das importações de 24,3% e do crescimento de 25,7% das exportações, principalmente de bens agropecuários e da extrativa mineral.

A forte desvalorização cambial, que acumulou variação de 9,8% entre dezembro de 2020 e dezembro de 2021, e a permanência das restrições às viagens internacionais ao longo do ano contiveram o déficit da balança de serviços.

Para acessar o relatório completo, clique:

https://docs.google.com/uc?export=download&id=1y5r8IBJxZ4zT9g2MBgVzutrv0iCQUJ6i

Ética, Inteligência & Política

Divulgação


Compartilhar