Detran-MS disponibiliza PIX para garantir maior facilidade e economia para os usuários

Detran-MS disponibiliza PIX para garantir maior facilidade e economia para os usuários

18 de maio de 2021 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Detran Vivianne Nunes Santos 18/maio/2021 12:02 pm Portal do Governo de Mato Grosso do Sul

O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) é o primeiro órgão do Estado a implantar, em parceria com o Banco do Brasil, o serviço de PIX para o pagamento de guias. O lançamento oficial ocorreu na manhã desta terça-feira (18) na Sefaz (Secretaria de Fazenda do Estado), na presença do secretário Felipe Mattos, do secretário de Governo e Gestão Estratégia, Sérgio Murilo e do superintendente do Banco do Brasil, Marcel Figueredo.

Para o diretor-presidente do Detran-MS, Rudel Trindade, o PIX vem para “coroar um projeto de redução de tempo e custo para todos os clientes”. Em sua fala, o presidente destacou: “É sensacional! Representa um ganho de tempo enorme e vai facilitar inclusive para as pessoas que forem paradas em blitz e tiverem com o documento vencido. Esses motoristas poderão pagar na hora com baixa imediata. É um enorme avanço no seguimento digital que estamos trilhando desde o ano passado com o Governo do Estado e o Banco do Brasil”, pontuou.

“Vamos copiar a iniciativa do Detran-MS, que foi piloto na implantação do PIX e repassar para receber os demais tributos estaduais”, afirmou o secretário de Fazenda do Estado, Felipe Mattos. Para ele, a iniciativa do Departamento é bastante positiva e inovadora. “Temos uma similaridade com o pessoal do Detran em várias questões, principalmente por sermos dois órgãos arrecadadores do Estado”, salientou o secretário, que aproveitou para parabenizar o setor de Tecnologia da Informação do Departamento. “Nosso papel é contribuir para prestar o melhor atendimento possível ao cidadão do Mato Grosso do Sul”, frisou.

A utilização do PIX, tornou-se, em pouquíssimo tempo, uma das principais transações do País. Quem afirma é o superintendente do Banco do Brasil, Marcel Figueiredo, que também enfatizou: “Uma iniciativa que veio para ficar”.

De acordo com ele, a utilização o PIX é uma grande evolução. “Cada vez mais vemos as novidades acontecendo, hoje a gente vê a popularização do PIX, em pouco tempo de existência. Tínhamos, em um passado muito recente, um modelo de pagamento em que demorava pela compensação, não tinha o trabalho de 24 x 7, que é estar disponível 24 horas, sete dias da semana”.

Vivianne Nunes e Bruna Pasche, Detran-MS

Foto: Divulgação


Compartilhar