ELEIÇÕES 2022: No 2º maior colégio eleitoral do Brasil: Lula tem 46% dos votos

ELEIÇÕES 2022: No 2º maior colégio eleitoral do Brasil: Lula tem 46% dos votos

19 de março de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Fator Lula é único capaz de mudar reeleição de Romeu Zema, mostra Quaest/Genial

Por REDAÇÃO – 18/03/22 às 10H14 atualizado em 18/03/22 às 10H34

Lula em ato em Minas Gerais em 2017. Créditos: Ricardo Stuckert

Segundo maior colégio eleitoral do país, Minas Gerais deve proporcionar uma avalanche de votos para Lula (PT) nas eleições de outubro, caso se mantenha o prognóstico da pesquisa Quaest/Genial divulgado nesta sexta-feira (18.mar.22).

O levantamento mostra Lula com 46% das intenções de voto, seguido por um distante Jair Bolsonaro (PL), que marca 21%. 

Sergio Moro (Podemos) tem 6% e Ciro Gomes (PDT), 5%. André Janones (Avante), que é mineiro, está à frente de João Doria (PSDB) no estado com 3%, enquanto o tucano marca 2%. 

Simone Tebet (MDB) e Alessandro Vieira têm 1% cada. Eduardo Leite (PSDB) e Felipe d’Avila não pontuaram. Brancos e nulos ou não pretende votar são 9%; indecisos, 5%. 

Em um segundo cenário, sem Moro, Lula vai a 49% e Bolsonaro a 23%. Ciro marca 7%, Doria, 3% e Eduardo Leite, que define nos próximos dias se troca o PSDB para ser candidato pelo PSD, tem 2%. Brancos e nulos são 11% e indecisos 4%.

GOVERNO 

O apoio do ex-presidente Lula (PT) será decisivo nas eleições de Minas Gerais, segundo Quaest.

Atual governador, Romeu Zema (Novo) lidera as pesquisas para o governo de Minas com 34%. Sem o apoio de Lula, o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), tem apenas 21%. 

No entanto, quando aparece ao lado do ex-presidente, o resultado se inverte e dá a Kalil 49% da preferência do eleitorado, derrubando Zema, apoiado por Jair Bolsonaro (PL), para 35% das intenções de voto.

Pelas redes sociais, o cientista político e diretor da Quaest, Felipe Nunes, destacou o ‘fator Lula’ como a ‘única variável’ capaz de mudar os cenários de MG, que apontam para a reeleição de Zema. 

“Kalil apoiado por Lula cresce 16 pontos. Zema apoiado por Bolsonaro cai 14 pontos”, destacou Nunes em uma sequência. Veja: 

Os demais candidatos no estado, André Janones (Avante) aparece em terceiro com 7%. Pontuam ainda o deputado Cleitinho Azevedo (Cidadania), com 6%; o senador Carlos Viana (MDB), com 5%, o prefeito de Betim, Vittorio Medioli (sem partido), com 2%. O prefeito de Teófilo Otoni, Daniel Sucupira (PT), e o ex-deputado Miguel Corrêa (PDT) têm 1%. Brancos e nulos somaram 12%. Indecisos são 11%. 

A pesquisa ouviu 1.480 pessoas de forma presencial entre os dias 11 e 16 de março. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. O registro na Justiça Eleitoral é o MG-00132/2022. 


Compartilhar