Em anúncio de fábrica de celulose de R$ 15 bi em MS, Longen destaca papel da Fiems na qualificação profissional

Em anúncio de fábrica de celulose de R$ 15 bi em MS, Longen destaca papel da Fiems na qualificação profissional

23 de junho de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Ao participar, nesta quarta-feira (22/06), da cerimônia de lançamento dos investimentos da ordem de R$ 15 bilhões para a construção de uma fábrica de celulose em Mato Grosso do Sul, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, destacou que o projeto representa a concretização de um sonho para o setor industrial. Na avaliação do líder empresarial, o desafio será contribuir para a capacitação de mão de obra que atenda à demanda do segmento.

“Hoje é um dia de alegria para todos nós da indústria. Depois de muito trabalho e espera de vários anos, o projeto se concretiza. Essa nova unidade fabril é um grande avanço. Já estamos com um grande desafio em Ribas do Rio Pardo. Agora, surge um novo projeto na região do Bolsão. É um desafio muito grande para toda a nossa equipe da Federação das Indústrias, do Sesi e do Senai, colaborar para o avanço da industrialização do Estado. Devemos nos movimentar para atender a demanda dessa grande indústria”, disse Longen.

O grupo chileno Arauco anuncioua instalação de uma fábrica que terá capacidade para processar 2,5 milhões de toneladas de celulose por ano. A obra deve contar com 12 mil trabalhadores no pico da construção, com término previsto para o primeiro trimestre de 2028. Quando entrar em operação, a fábrica da Arauco deve gerar 250 empregos diretos e 300 indiretos apenas na planta industrial, enquanto que no ramo florestal devem ser gerados outros 1,8 mil empregos.

O anúncio foi feito no auditório do Bioparque Pantanal, durante evento de lançamento oficial do Plano Estadual de Florestas Plantadas (Profloresta). O governador do Estado, Reinaldo Azambuja, assinou termos de compromisso com diretores da empresa chilena e autoridades estaduais e municipais.

Para Azambuja, a unidade da Arauco vai gerar empregos, oportunidades, renda e desenvolvimento social. “A vinda desta fábrica mostra a confiança dos investidores em Mato Grosso do Sul, na nossa política de incentivos fiscais, na segurança jurídica de quem investe e na estrutura logística que estamos criando para quem precisa escoar a produção”, disse.

O secretário estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, destacou os compromissos que o poder público deve assumir para apoiar Inocência nesse novo ciclo de desenvolvimento econômico se inicia. “Quando chega uma indústria, o Estado precisa dar o apoio necessário e ajudar no impacto econômico. Construindo hospital, ampliando escolas, implantando Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, assistência social. O poder público tem que estar muito presente”, afirmou.

O presidente da Assembleia Legislativa, Paulo Corrêa, destacou que o Sistema Fiems poderá contribuir para a transformação da realidade socioeconômica de Inocência. “A gente estava muito feliz com a maior fábrica de papel e celulose da América Latina se instalando em Ribas. Agora, estamos mais felizes ainda com a fábrica em Inocência. É um sonho de geração de emprego e renda. Com a Arauco, Mato Grosso do Sul vai ser o maior produtor de papel e celulose do mundo. E a Federação das Indústrias, na gestão do Sérgio Longen, tem o dever e a possibilidade de fazer a maior capacitação do mundo em papel e celulose”, destacou.

O prefeito de Inocência, Antonio Ângelo Garcia dos Santos, projetou que o município vai triplicar de população nos próximos anos, e por isso os moradores devem se preparar para o novo ciclo. “Precisamos colocar no mercado de trabalho as pessoas que vivem em nosso município. Precisamos que nossos empresários façam cursos junto ao Senai, Fiems, Sebrae, para que possam atender as necessidades das pessoas que estarão em Inocência”, finalizou.

Leia mais notícias em nosso site:www.fiems.com.br

Assine nossa newsletter e fique por dentro do que acontece na indústria:www.fiems.com.br/newsletter

Dúvidas? Entre em contato com nossa Assessoria de Comunicação: (67) 3389-9244


Compartilhar