IEL apresenta PQF para micro e pequenas empresas em Porto Murtinho

28 de março de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

O IEL iniciou o ano com trabalho intenso no interior de Mato Grosso do Sul para apresentar o PQF (Programa de Qualificação de Fornecedores). Nesta semana, a gerente de gestão e negócios do IEL, Jackeline Magalhães, esteve em Porto Murtinho para uma conversa com micro e pequenos empresários do município que desejam se capacitar e ampliar os negócios, fornecendo produtos e serviços para grandes empresas do Estado.

Na avaliação de Jackeline, além de fortalecer a eficiência em gestão, trazer qualificação para o fornecimento de produtos e serviços e redução de perdas, o PQF amplia as oportunidades de negócios e melhora a eficiência na cadeia de suprimentos. “O programa proporciona todo preparo necessário para que a empresa se torne mais competitiva e capacitada para fornecer produtos e serviços para as empresas-âncoras”, afirmou.

O programa

Para atender com precisão às expectativas das empresas-âncora, as empresas-fornecedoras participantes do PQF passam por um detalhado processo de qualificação. Primeiro, o IEL constitui um comitê gestor local para conduzir o programa no ambiente empresarial em que ele será implementado, além da determinação de um plano de qualificação a ser desenvolvido.

Em seguida, cada empresa participante passa por uma etapa de diagnóstico, a partir de requisitos definidos pelas empresas-âncoras, e o IEL avalia quais aspectos do negócio podem ser aprimorados. Na etapa de desenvolvimento do programa, o IEL atua em duas frentes – capacitações e consultorias. As capacitações são coletivas, dirigidas a todas as empresas fornecedoras participantes, enquanto as consultorias são individuais, realizadas em cada empresa.

Então, é chegado o momento da certificação, inicialmente realizada pelo IEL de modo individual. Por meio de auditorias independentes, verifica-se se os requisitos estabelecidos para todas as áreas de gestão do programa são atendidos. A atividade de auditoria também envolve a identificação e preparação de auditores, a elaboração de procedimentos, o planejamento e a programação de auditorias para aprovação pelo comitê gestor local.

As empresas fornecedoras que obtiverem aprovação no processo de certificação durante as auditorias realizadas – índice que chega a 97% das participantes – são as que receberão um Certificado de Fornecedor.

Leia mais notícias em nosso site:www.fiems.com.br

FIEMS


Compartilhar