No Dia dos Pais, Honda Racing faz homenagem com histórias que unem sucesso e chegada de um filho

15 de agosto de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Confira histórias dos pilotos Jetro Salazar, do Motocross, e Tiago Wernersbach, do Rally, além do chefe de equipe do Enduro Reinaldo Almeida

Quem vive o mundo das competições de moto coleciona diversas histórias. São títulos, conquistas, superações que ficam sempre na memória. Será que a chegada de um filho pode estar associada ao melhor momento na carreira de um piloto ou do comandante de um time? Para celebrar o Dia dos Pais, comemorado neste domingo (14/8), a Honda Racing apresenta três histórias que mostram que o sucesso nas corridas pode caminhar junto com a felicidade na família. 

O ano da vida 
Tiago Wernersbach – Piloto da equipe Honda Racing de Rally

“Falo com toda certeza que o ano de 2021 foi o melhor da minha vida. Entrei em janeiro para o time oficial da Honda Racing de Rally. Já tinha sido piloto satélite de enduro pela equipe Moto Litoral, mas recebi esse convite e topei a oportunidade. Comecei a jornada pelas provas de rally, modalidade que nunca tinha disputado.

Venci logo na estreia as duas primeiras provas que participei: o Rally Jalapão e o Rally RN 1500.
Na sequência, veio o meu maior desafio, o Sertões. Foram dias muito intensos e difíceis, porém, finalizei a competição com o título da categoria Brasil, para motos nacionais, com a CRF 250F. Cheguei em casa com o troféu na mão. Minha esposa me parabenizou pela conquista e anunciou que eu ia ser pai. 

Foi um momento muito feliz, pela somatória de tudo que estava acontecendo. Completei a temporada 2021 com mais títulos no Rally de São Paulo, Rally Caminhos da Neve e como campeão brasileiro de Rally Cross Country.

O José Pedro nasceu em 10 de fevereiro de 2022. Desde então, sigo com ótimos resultados, ganhando todas as provas de rally. Com certeza esses anos ficarão marcados para sempre na minha história tanto na minha carreira de piloto, quanto na minha vida pessoal.

Ser pai sempre foi um grande sonho meu. Não vejo a hora dele crescer para subir em uma moto, espero que ele goste, para a gente andar muito juntos”.

O dia que vencemos tudo
Reinaldo Almeida – chefe da equipe Honda Racing de Enduro

“O nascimento da Clarinha estava programado para o dia 19 de maio deste ano, uma quinta-feira, véspera da terceira rodada do Campeonato Brasileiro de Enduro. Para a minha sorte, a prova foi marcada para Belo Vale (MG), apenas 40 minutos de nossa casa, em Belo Horizonte (MG). 

Na quarta-feira, nossa equipe se adiantou e montou toda a estrutura no evento, para que no dia seguinte eu já pudesse estar pronto para a chegada da nossa pequena. A quinta passou e a Clarinha não chegou. Sexta-feira e nada! Sabe quando ela nasceu? No sábado, às 9h! Ela veio com muita saúde e a tempo de ir para o quarto correndo já escutar o pai acompanhar a largada da corrida às 10h. E, no domingo, lá estava eu junto com o time na prova. 

Para fechar a história com chave de ouro, esse foi o primeiro dia que nossa equipe teve 100% de aproveitamento na temporada, ao vencer todas as categorias que disputou. O ano de 2022 está sendo muito especial para mim. É o meu primeiro ano como pai e meu primeiro ano na Honda Racing.

Então, meu pedido de presente para esse primeiro Dia dos Pais não poderia ser diferente. Quero ter toda a família na final de nosso campeonato para comemorarmos os títulos com a pequena no colo”.


A nova princesa 
Jetro Salazar – Piloto da equipe Honda Racing de Motocross

“Quando eu entro para uma corrida é sempre com sangue no olho. Garra e determinação para alcançar os meus objetivos são o que não me faltam. Comecei a temporada 2022 com uma meta: ser campeão brasileiro. Sei que não é fácil, mas sei também que eu posso. Nas duas primeiras etapas do ano, bati na trave, mas nas duas seguintes, nas corridas históricas, no Autódromo de Interlagos, fiz história ao vencer duas baterias. Além disso, saí de São Paulo na liderança da competição.

Um mês depois, e no auge dessa boa fase, minha esposa Astrid e eu anunciamos que estamos esperando a nossa Maia. Ser pai pela segunda vez é um sentimento bem legal. E agora terei uma filha. Sempre quis ter um casal. Meu primogênito é o Maverick, de 4 anos, e agora, vem ela. Fazia tempo que a gente já estava planejando ter mais um bebê e tenho certeza de que agora é a hora certa para isso.

Meu relacionamento com meu filho é demais. É o que eu sonhava. Ser um herói para o meu filho, que é como eu vejo meu pai. Sempre quis ter o meu filho me acompanhando na minha carreira como piloto profissional. Ele sempre está nas corridas, torcendo por mim e vibrando com cada conquista. É por isso que ser pai me torna especial”.

Mundo Press – Assessoria de Imprensa da Honda Racing Brasil  


Compartilhar