Pesquisa Gartner revela que 61% das empresas estão evoluindo os modelos operacionais de Data & Analytics devido às tecnologias de Inteligência Artificial 

Pesquisa Gartner revela que 61% das empresas estão evoluindo os modelos operacionais de Data & Analytics devido às tecnologias de Inteligência Artificial 

16 de maio de 2024 Off Por Marco Murilo Oliveira
Compartilhar

O Gartner, líder mundial em pesquisa e aconselhamento para empresas, anuncia que 61% das empresas estão sendo obrigadas a evoluir ou repensar seu modelo operacional de Data & Analytics (D&A) devido ao impacto das disruptivas tecnologias de Inteligência Artificial (IA). A pesquisa anual do Gartner de D&A foi conduzida de setembro a novembro de 2023 com 479 CDAOs (Chief Data and Analytics Officers), CDOs (Chief Data Officers) e CAOs (Chief Analytics Officers) de todo o mundo. 

“Respondendo à rápida evolução das tecnologias de Data & Analytics e Inteligência Artificial, os CDAOs não estão perdendo tempo em fazer mudanças em seus modelos operacionais,” diz Alan D. Duncan, Vice-Presidente e Analista Distinto do Gartner. Os CDAOs estão fazendo isso para apoiar a inovação orientada a informações e acelerar a agilidade organizacional, com governança de dados no centro das atividades. 

Evolução do modelo operacional de Data & Analytics para buscar inovação 

Fonte: Gartner (Abril 2024) 

Quando questionados sobre as mudanças que os CDAOs precisam fazer em seus modelos operacionais de Data & Analytics para se adequarem aos propósitos atuais e futuros, 38% dos líderes afirmaram que a arquitetura de Data & Analytics será revisada nos próximos 12 a 18 meses. 29% dos entrevistados disseram que vão reformular como gerenciam os ativos de dados e adotam e aplicam políticas, práticas e padrões de governança. 

Os CDAOs estão ampliando suas responsabilidades: “Embora a gestão do modelo operacional de Data & Analytics de suas empresas esteja aumentando ano após ano, nenhum outro cargo além do CDAO tem a responsabilidade dos principais habilitadores de Inteligência Artificial, que incluem governança de dados, ética em Data & Analytics, entendimento de dados e Inteligência Artificial”, diz o analista do Gartner. Para Duncan, “o escopo de responsabilidades do papel de CDAO também se expandiu à medida que as restrições orçamentárias e de recursos se tornam ainda mais desafiadoras.”  

Entre as principais responsabilidades dos CDAOs estão gerenciar a estratégia de Data & Analytics (74%) e a governança de Data & Analytics (68%). Ser responsável por Inteligência Artificial também está no topo da agenda dos CDAOs. A pesquisa constatou que 49% dos CDAOs disseram que a Inteligência Artificial Generativa (GenAI) faz parte de suas responsabilidades primárias. A Inteligência Artificial está dentro do escopo para 58% dos CDAOs, o que representa um aumento de 34% em 2023. 

CDAOs negociarão a forma como Data & Analytics é financiado: A expansão das responsabilidades implica um custo significativo para os CDAOs. Entre os CDAOs que relatam um aumento ano após ano no financiamento de suas funções, 46% ainda relatam restrições orçamentárias como um desafio. “Os CDAOs que apresentam melhores casos de negócios aos CFOs (Chief Financial Officers) recebem financiamento melhor e mais rápido para suas iniciativas de Data & Analytics. Eles também ganham maior apoio executivo”, diz Duncan.  

Os CDAOs devem explicar aos CFOs como qualquer mudança nos modelos de financiamento de Data & Analytics se alinha à proporção das proposições de valor de Data & Analytics como utilidade, habilitador ou impulsionador da empresa. “No entanto, apenas 49% dos CDAOs pesquisados estabeleceram métricas orientadas por resultados de negócio que permitem aos stakeholders acompanhar o valor de Data & Analytics. Além disso, 34% não estabeleceram métricas orientadas por resultados comerciais para Data & Analytics”, complementa Duncan. Os CDAOs precisam aumentar seu poder e influência para fazer as coisas acontecerem. Eles também devem entender as alavancas de valor e os pontos fracos das empresas de ponta a ponta para mostrarem seu valor ao Conselho de Administração. “Até 2026, 75% dos CDAOs que não conseguirem gerar influência organizacional e impacto mensurável serão direcionados a funções de tecnologia”, diz Duncan. 

Os clientes do Gartner podem ler mais em “CDAO Agenda 2024: Reinvent Yourself or Risk Failure“.  

Sobre o Gartner for Data & Analytics Leaders

O Gartner for Data & Analytics Leaders fornece insights acionáveis e objetivos para CDAOs e líderes de dados e análises para ajudá-los a acelerar sua estratégia e modelo operacional de D&A para aumentar o valor dos negócios. Informações adicionais estão disponíveis em https://www.gartner.com/en/data-analytics.  

Sobre o Gartner    

O Gartner, Inc. fornece insights objetivos e acionáveis que impulsionam decisões mais inteligentes e um melhor desempenho para as prioridades de missão crítica das empresas. Para saber mais, visite www.gartner.com ou siga notícias e atualizações do Gartner para executivos de TI no X e LinkedIn usando #GartnerIT.  

Planin – Assessoria de Comunicação e de Imprensa do Gartner no Brasil    


Compartilhar