Polícia Federal indicia ministro de Lula por suspeita de corrupção e organização criminosa

Polícia Federal indicia ministro de Lula por suspeita de corrupção e organização criminosa

12 de junho de 2024 Off Por Ray Santos
Compartilhar

  • qua,12 junho , 2024 10:27 – Foto: ABr

A Polícia Federal indiciou o ministro das Comunicações, Juscelino Filho (União Brasil-MA), sob suspeita de integrar uma organização criminosa e cometer o crime de corrupção passiva nos desvios de recursos de obras de pavimentação custeadas com dinheiro da Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba).

De acordo com o jornal “Folha de S.Paulo”, a corporação concluiu que houve irregularidades em obras executadas na cidade de Vitorino Freire (MA), governada por Luanna Rezende, irmã do ministro das Comunicações, custeadas por emendas parlamentares indicadas por Juscelino quando atuava como deputado federal.

A prefeita chegou a ser afastada do cargo em 2023, mas depois retornou ao mandato.

Um dos elementos utilizados pela Polícia Federal é um relatório da Controladoria-Geral da União (CGU) sobre uma das obras ter beneficiado propriedades da família do ministro de Lula. O relatório final do caso foi enviado para o ministro Flávio Dino, relator do inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF), segundo o site da corte.

O ministro Juscelino Filho passou a ser investigado após mensagens entre ele e Eduardo DP serem encontradas no celular do empresário, apreendido pela Polícia Federal na primeira fase da operação Odoacro.

Com informações: MSN


Compartilhar