PPSA publica edital para leiloar 33 milhões de barris de petróleo da União em 2025

PPSA publica edital para leiloar 33 milhões de barris de petróleo da União em 2025

27 de maio de 2024 Off Por Ray Santos
Compartilhar

A Pré-Sal Petróleo (PPSA) vai comercializar 33 milhões de barris de petróleo no 4º Leilão de Petróleo da União, que será realizado na sede da B3, em São Paulo, no próximo dia 31 de julho.

A empresa publicou nesta segunda-feira, 27, no Diário Oficial da União, o aviso do edital do leilão com as principais informações sobre o certame.

O leilão comercializará toda a produção estimada para a União, em 2025, dos Campos de Mero e Búzios.

Segundo o Diretor de Administração, Finanças e Comercialização, Samir Awad, estes campos são os principais produtores de petróleo da União e a expectativa é de que a arrecadação com o leilão supere R$ 13 bilhões para o governo federal.

Os recursos serão recebidos ao longo de 2025 e podem variar conforme o preço do barril, o valor oferecido no leilão e a taxa de câmbio.

“Estamos apresentando as oportunidades do leilão ao mercado e temos percebido bastante interesse”, afirmou.

De acordo com a Diretora Técnica e Presidente Interina, Tabita Loureiro, este será o primeiro leilão de um calendário de leilões em discussão com o Ministério de Minas e Energia.

“Em abril de 2025, já pretendemos fazer um novo certame para comercializar a produção da União prevista para 2026 para os campos de Mero, Búzios e Bacalhau.

E outros leilões estão sendo avaliados para vender as cargas de 2027 e 2028. A produção da União é crescente e precisamos dar previsibilidade ao mercado para maximizar os resultados para a sociedade brasileira”, explicou Tabita.

Para o Ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, os recursos de óleo e gás da União são fundamentais para assegurar investimentos em saúde, educação e na transição energética por meio do Fundo Social.

Em julho, serão leiloados, separadamente, quatro lotes de petróleo, sendo três de Mero (dois deles com quantidades estimadas de 10 milhões de barris e um de 10,5 milhões de barris) e um de Búzios (com quantidade estimada de 2,5 milhões de barris).

Isso equivale a uma entrega de aproximadamente 66 cargas de 500 mil barris em 2025, que estarão disponíveis nos FPSOs Guanabara, Sepetiba, Duque de Caxias e Pioneiro de Libra, em Mero, e na P-74, P-75, P-76, P-77 e Almirante Barroso, em Búzios.

As empresas poderão participar do leilão individualmente ou em consórcio. A depender da modalidade, poderão ser habilitadas empresas de exploração e produção de petróleo, comercialização, logística e refinarias. Companhias estrangeiras poderão participar dos consórcios, mas não poderão liderá-los.

Dinâmica do leilão

A sessão pública poderá ocorrer em duas etapas para cada lote leiloado, sendo vencedora aquela empresa que oferecer o melhor preço.

Na primeira etapa, os preços deverão ser maiores do que o Limite Mínimo de Preço que será fixado pela PPSA com dois dias de antecedência ao leilão, em US$/barril. “Nossa missão é maximizar os resultados para a União e por isso, para a primeira fase, estabeleceremos um valor mínimo de preços, com base no Brent datado.

Uma proposta maior que US$ 0,40/bbl da segunda colocada será declarada vencedora do lote, enquanto propostas de preço distantes entre si em até US$ 0,40/barril será condição para realizar um pregão a viva-voz, com a participação daquelas empresas que apresentaram proposta nesse intervalo.” explicou Guilherme França, Superintendente de Comercialização da PPSA.

Caso não haja ofertas acima do referido patamar inicial de preços, será realizada a segunda etapa da sessão, a Repescagem, baseada num novo patamar de preço mínimo anunciado na hora, sendo aberto um pregão em viva voz com a participação de todas as empresas habilitadas.

O edital está disponível no site da PPSA e a Comissão de Leilão responderá as dúvidas enviadas até o dia 10 de junho pelo e-mail leilao4@ppsa.gov.br.

Acesse aqui o edital.

Para mais informações:

Assessora de Comunicação Corporativa

Andréa Dunningham – andrea.dunningham@ppsa.gov.br

Telefone: 21 3513-1764

Print Comunicação – Agência de Comunicação

Monique Leão – monique.print@ppsa.gov.br

Telefone: 21 99922-1509


Compartilhar