Precisamos ser luz na vida das pessoas!

10 de agosto de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Por Wilson Aquino*

Quem não conhece alguém que quando chega a um determinado ambiente o torna imediatamente tenso, pesado, ao ponto de até provocar conflitos? Enquanto outros, quando chegam, tornam o local harmonioso, radiante, cheio de bem-estar e alegria? Todos temos capacidade de ser luz para as pessoas. De proporcionar alegria e esperança de que podemos sim sermos felizes e bem sucedidos, mesmo com todas as adversidades da vida.

Assim como o Senhor tem o poder de iluminar nosso caminho através das trevas e nos livrar das confusões que nos cercam no mundo, todos nós temos também as condições de sermos luz para a vida de nosso próximo e, desta forma, ajudá-lo a se livrar da escuridão que o cerca.

Para isso é necessário que procuremos levar uma vida exemplar, alicerçada nos ensinamentos e mandamentos de Deus. E apesar do fato de que nunca atingiremos a perfeição devido às nossas falhas e pecados que sempre cometeremos, não podemos desistir de procurarmos ser luz, pois o que vale mesmo para o Senhor é o esforço de cada um em procurar obedecê-Lo e a determinação para seguir firme no Caminho que Ele traçou para todos nós.

Ser luz para o mundo não é fácil. Exige sacrifício e grande esforço constante para lutar e vencer obstáculos e tentações que tentam apagar essa chama. Não podemos desistir. Primeiro, pela nossa própria salvação nesse Plano Perfeito que Ele criou para o crescimento de todos nós. Depois, pelo próximo, que está, em grande parte, perdido, em desespero, em completa escuridão, precisando de um ombro amigo, de uma palavra de consolo para que recupere as forças e tenha esperança.

Deus e Jesus Cristo são luzes e nós também podemos sê-lo. É o que Eles nos ensinam por intermédio das Escrituras Sagradas: “A tua palavra é lâmpada para os meus pés, e luz para o meu caminho” (Sl. 119:105). Eles pediram para que não cubramos nossa luz, mas que levemos a luz do Evangelho conosco para que outras pessoas possam vê-la. É como encontramos em Mateus (5:14-16):

“Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um mante;

Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa.

Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus”.

É portanto nossa responsabilidade certificar-nos de que nossas lâmpadas estejam cheias de óleo para produzirmos luz permanentemente para nós e nosso próximo. E como a parábola é um método utilizado pelo Senhor para nos ensinar, o óleo, nesse caso, é todo conhecimento e preparação que devemos fazer para que estejamos sempre aptos a gerar luz, que orienta, consola, conforta e dá segurança e esperança a todos à nossa volta.

Devemos também procurar e orar por oportunidades para deixar nossa luz brilhar de modo que as pessoas enxerguem o caminho para que Jesus Cristo, aquele que cura corpos e almas feridas, opere milagres e transforme vidas.

Quando acreditamos em Deus e em Jesus Cristo, nos conscientizamos de que a salvação do espírito é o mais importante. E ao nos sentirmos dignos, nos fortalecemos de tal forma que enfrentamos desafios e obstáculos, desbravamos lugares desconhecidos para resgatar nosso próximo para que ele encontre a luz que o conduzirá ao bom caminho cheio de alegria, bênçãos e realizações.

*Jornalista e Professor


Compartilhar