Rochas naturais podem ser uma alternativa sustentável para o design de interiores?

Rochas naturais podem ser uma alternativa sustentável para o design de interiores?

17 de maio de 2024 Off Por Marco Murilo Oliveira
Compartilhar

Por ser um elemento durável, atemporal e reutilizável, as pedras podem se tornar integrantes mais ecológicos dentro do projeto arquitetônico 

Você sabia que devido a suas características geológicas as rochas naturais podem ser reutilizadas para vários fins após o seu descarte?Dentre outras coisas, elas podem ser aproveitadas na própria indústria da construção, ornamentação de ambientes, peças de decoração, mosaicos e até para confecção de joias.

Graças à sua composição, as rochas também podem ser utilizadas na indústria de cosméticos, cerâmicas e na fabricação de adubos. Dona de uma vida útil extensa, as pedras naturais há tempos se provam como sendo uma opção muito mais sustentável e viável em meio a um mercado de sintéticos. É quase impossível mergulhar na história de sua formação na natureza e não constatar que ela merece ter uma continuidade cercada de respeito, cuidado e responsabilidade.

No design de interiores, especificamente, seu uso está diretamente ligado ao desejo de nos conectarmos de forma mais expansiva as sensações de bem-estar que somente o que é natural é capaz de nos proporcionar. Sem contar, é claro, que se trata de um material extremamente durável, resistente as intempéries e de fácil manutenção

Decolores, empresa nascida no Espírito Santo e que hoje se tornou referência no beneficiamento de quartzito no Brasil e no mundo, enxerga na sustentabilidade intrínseca das rochas um dos pilares que sustentam seus valores institucionais. Nesse sentido, uma forte aliada da empresa para isso é a inovação, onde, com o compromisso de gerar bem-estar e prosperidade para o desenvolvimento sustentável e um mundo mais justo, a companhia pesquisa e opta sempre por soluções que permitam que o ciclo de vida da rocha seja o mais longo possível, sem desperdício de recursos diversos.

Tal cuidado começa na extração, etapa que não é executada diretamente pela empresa, mas sim por fornecedores certificados que seguem os rigorosos requisitos da legislação vigente, e que possuem em dia licenciamentos ambientais e demais licenças pertinentes perante os órgãos federais de regulamentação mineral. Esse importante procedimento provoca nos parceiros, dentre outras obrigações, a proteção de fontes hídricas e o respeito às áreas de reserva legal. 

Chegando ao processo industrial de beneficiamento da pedra, o compromisso continua ao adotar outras práticas sustentáveis, como, por exemplo, a reciclagem do refugo, a reutilização da água empregada nos equipamentos de corte e polimento, o zelo pela segurança dos colaboradores, a adoção de fontes de energia limpa e a proteção para evitar a contaminação de efluentes.

Como se não bastasse, para que essa rocha aproveite ao máximo seu potencial de vida útil, a Decolores possui uma área de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) que tem como missão estudar a composição das pedras, testar, avaliar e fornecer essas informações interna e externamente, para melhoria dos processos, disseminação de conhecimento e orientações adequadas quanto ao uso, instalação e manutenção.   

Para saber mais sobre os quartzitos Decolores, acesse: www.decolores.com.br, ou visite a página da marca no Instagram: @decoloresoficial.

Sobre a Decolores

Em pouco mais de 20 anos, a Decolores se edificou como um negócio que possui a inovação, tecnologia, cuidado e contemporaneidade como partes intrínsecas de seu DNA, sendo responsável por trazer um novo olhar, mais poético e plural, para a potência das rochas naturais na arquitetura e design de interiores.

A empresa se destacou em meio ao trade por ser referência no beneficiamento do Quartzito, um tipo de rocha mais resistente e que acabou promovendo uma inovação dentro do setor graças a sua grande diversidade de cores e desenhos. Por conta de seus processos modernos e de ponta, a marca é considerada pioneira na produção de quartzito tanto no Brasil, como no mundo e, com um parque industrial instalado em uma área total de 74 mil metros quadrados na cidade de Cachoeiro de Itapemirim, no Espirito Santo, assim como uma filial em Serra, também dentro do estado capixaba, ela ainda atingiu status de um dos maiores polos de beneficiamento de rochas naturais do país.

Decolores

www.decolores.com.br

@decoloresoficial

Denise Delalamo Comunicação


Compartilhar