Sebrae, Arauco e Prefeitura de Inocência conectam empresários a um dos maiores projetos de celulose do país

Sebrae, Arauco e Prefeitura de Inocência conectam empresários a um dos maiores projetos de celulose do país

16 de maio de 2024 Off Por Marco Murilo Oliveira
Compartilhar

Instituições lançaram programa “Conexão Arauco”, para apoiar empreendedores locais no atendimento às demandas que surgirão a partir da chegada da fábrica de celulose no município

O Sebrae/MS, a Prefeitura de Inocência e a Arauco lançaram, nesta quarta-feira (15), o programa Conexão Arauco. A iniciativa visa preparar empreendedores locais para o atendimento às demandas que irão surgir com o desenvolvimento do “Projeto Sucuriú”, primeira fábrica de celulose da Arauco no Brasil, referência global neste setor, em produtos de madeira, reservas florestais e bioenergia. Durante o evento, houve a assinatura de um termo de cooperação técnica entre as instituições para fomentar o encadeamento produtivo da região.

A iniciativa faz parte do programa Cidade Empreendedora, iniciativa do Sebrae em parceria com a Prefeitura Municipal. O diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça, enfatizou o compromisso com Inocência diante de um empreendimento deste tamanho. “Nós estamos trabalhando o programa Cidade Empreendedora em Inocência há quase três anos, em uma grande parceria com a Prefeitura. Chegou o momento de iniciarmos um trabalho com os fornecedores, promovendo conexões, apoiando e preparando os pequenos empresários para o atendimento às demandas de uma grande empresa. Esse é o papel do Sebrae, fomentar a economia local e incluir os pequenos negócios no processo de desenvolvimento”, destacou.

O gerente de relações institucionais e ESG da Arauco, Theófilo Militão, reforça a importância desta parceria. “Recebemos no dia 10 de maio a Licença de Instalação que permite tirar o Projeto do Papel e dar início às obras da futura fábrica. Hoje, estamos aqui para conectar a cadeia de serviços que o projeto vai gerar – não apenas para Inocência – como para toda a região. Nossa expectativa é que os pequenos e médios empresários aproveitem essas oportunidades, se capacitem, busquem o Sebrae e estejam prontos para atender a demanda que irá surgir a partir de agora”, pontuou.

O prefeito de Inocência, Antônio Ângelo Garcia dos Santos (Toninho da Cofapi) ressaltou que não faltará planejamento, frente ao maior empreendimento da história do município. “Em conjunto com o Governo do Estado, a Arauco e o Sebrae, nós começamos este planejamento há muito tempo. Acreditamos que a partir de agora, os empresários de Inocência terão a maior oportunidade de suas vidas. Portanto, queremos que eles busquem capacitação e aproveitem este momento único, sempre olhando para o futuro”, aconselhou.

Marketing territorial para Inocência

Durante o evento, também foi realizada mais uma entrega do programa Cidade Empreendedora para o município: o Branding Book Municipal. O documento traz estratégias para posicionar Inocência como a cidade “onde o romance saiu do papel”. O conceito une o apelido “Cidade Romance” dado pelo escritor Visconde Taunay, com o produto papel, em alusão à celulose, atividade econômica crescente na região.

Além de conceituar a marca territorial, o documento aponta um planejamento com ferramentas para promoção do novo conceito a partir de ações voltadas ao encantamento, experiência e comunicação e foi produzido em conjunto com lideranças locais e representantes da sociedade.

“Agradecemos a confiança da Prefeitura de Inocência por aderir ao Cidade Empreendedora por duas vezes consecutivas, o que resultou no aumento de 10% na abertura de novas empresas, apenas no último ano. Para o ano que vem, acredito em um novo acréscimo, o que comprova que a promoção de um ambiente favorável de negócios surte resultados”, ressaltou a gerente da Regional Costa Leste do Sebrae/MS, Josi Signori.

Sessão de negócios promove conexões

Ainda no evento, 127 empresários de Inocência, Água Clara, Aparecida do Taboado e Três Lagoas participaram de uma sessão de negócios, que ajudou a identificar quais deles poderão se tornar futuros fornecedores da Arauco e suas EPCistas (empresas responsáveis pela construção e compra de equipamentos da nova indústria), bem como de outras grandes empresas. Além da Arauco, estiveram presentes os representantes dos empreendimentos Veolia, Andritz, Valmet, UPE e Enfil.

Uma das participantes é proprietária do Posto Passarela, estabelecimento tradicional e conhecido na cidade. Lina Luiza Campos conta que o negócio foi herdado do pai, já falecido – um entusiasta do progresso de Inocência. “Estamos muito felizes com este projeto para a cidade, que trouxe investimentos e reforçou sonhos. Começamos em 2009 por ideia do meu pai. Vou seguir o projeto dele, com muita dedicação e orgulho”, garantiu.

Empresária no ramo de cafeteria e hotelaria, Sonia Maria da Costa passou a investir em suas empresas tão logo teve a certeza de que a futura fábrica de celulose desembarcaria no município. “Há muito tempo buscávamos esse desenvolvimento e ele chegou. É um salto muito grande para a cidade, para a região e até para o nosso Estado. Eu tenho certeza de que a minha vida empresarial dará um salto que nem eu mesma pude prever um dia”, reforça.

O empresário Atílio D’Agosto, proprietário de uma indústria de perfilados metálicos que já atende grandes indústrias em Três Lagoas, também fez questão de estar presente, visando atender o empreendimento na cidade próxima. “Estamos revivendo um momento que passamos de muitas oportunidades lá em Três Lagoas, há mais de dez anos. Inocência entra hoje numa nova esfera de negócios e por isso estamos aqui, para aproveitar junto desses empresários”, completa.

Desenvolvimento local

Voltado para promover o desenvolvimento local a partir do fortalecimento dos pequenos negócios, o Cidade Empreendedora é realizado pelo Sebrae/MS, em parceria com a Prefeitura Municipal, desde 2021 em Inocência.

A execução do programa vem contribuindo com o ambiente de negócios do município. Segundo dados da Receita Federal, somente entre 2023 e 2024, houve um aumento de 29% do número de abertura de novas empresas em Inocência, com 215 novos negócios, além de crescimento de 9% do número de empresas ativas na cidade, que chega agora em 1.063 negócios.

Outro reflexo é o aumento de 14% no número de Microempreendedores individuais (MEI), totalizando 360 MEIs ativos no município. A partir de 2023, a Arauco anunciou a parceria com o Sebrae no Cidade Empreendedora para ações conjuntas focadas no empreendedorismo, com promoção de maior competitividade e transformação da economia.

Mais informações sobre o programa Cidade Empreendedora estão disponíveis em: cidadeempreendedora.ms.sebrae.com.br.

SEBRAE-MS


Compartilhar