Walter Carneiro Júnior diz que educação infantil será prioridade em seu mandato

19 de setembro de 2022 Off Por Ray Santos
Compartilhar

Willams Araújo

A educação infantil será uma das prioridades durante o mandato de Walter Carneiro Júnior (PP) na Câmara dos Deputados a partir da próxima legislatura que será instalada em fevereiro de 2023, caso ele seja eleito como um dos representantes de Mato Grosso do Sul para atuar em Brasília.

Segundo ele, um parlamentar pode melhorar a vida das mães que trabalham fora de casa investindo em melhor estrutura funcional das creches administradas pelo poder público em Mato Grosso do Sul.

“As creches têm função de educar e cuidar, elas são a primeira etapa da educação infantil. Como pai de uma criança, sei que é importante ela ficar resguardada em um lugar onde possa brincar e aprender enquanto os pais trabalham. Por isso, educação infantil é prioridade”, destaca o candidato.

Walter Carneiro Júnior é candidato na chapa de Eduardo Riedel (PSDB) ao governo do Estado, e Tereza Cristina (PP-MS), ao Senado.

Conhecedor profundo dos problemas enfrentados pelo poder público nessa e em outras áreas, o progressista garante atuar em Brasília em favor dos interesses municipais, buscando recursos para investimentos em parceria com as prefeituras.

Impactos

Esse, aliás, é um tema que ocupou lugar de destaque nas manchetes dos jornais, durante a pandemia, com apontamentos de possíveis impactos que serão sentidos pelas famílias, principalmente para aquelas economicamente mais vulneráveis, nas quais as mães deixaram de trabalhar e de aumentar a sua renda como consequência disso.

Para ele, frequentar boas creches e pré-escolas melhora o desempenho escolar ao longo de toda a vida, acelera a capacidade cognitiva e estimula o comportamento social.

“Investir na primeira infância é a melhor maneira de reduzir as desigualdades, enfrentar a pobreza e construir uma sociedade com condições sociais e ambientais sustentáveis”, avalia Walter Carneiro Júnior, que continua em ritmo acelerado de campanha defendendo suas bandeiras em Campo Grande e demais municípios sul-mato-grossenses.


Compartilhar